Salles é absolvido de acusação de abuso de poder econômico

Ex-ministro do Meio Ambiente teria cometido irregularidades durante as eleições de 2018
-Publicidade-
Salles enfrentava cerco jurídico
Salles enfrentava cerco jurídico | Foto: Lula Marques/Fotos Públicas

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) absolveu o ex-ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles da acusação de abuso de poder econômico nas eleições de 2018. À época, Salles era candidato a deputado federal pelo partido Novo.

Na terça-feira 17, o TSE analisou um recurso do Ministério Público Eleitoral (MPE) que tentava condenar Salles. O MPE acusava Salles de contratar anúncios em um jornal paulista, às vésperas do período eleitoral.

O Tribunal Regional Eleitoral do Estado, no entanto, rejeitou a denúncia. Dessa forma, o MPE recorreu ao TSE contra as 13 peças publicitárias, no valor de R$ 260 mil, veiculadas entre 30 de maio e 22 de julho de 2018.

-Publicidade-

Leia também: “Julho com queimadas e sem incêndios”, artigo publicado na Edição 73 da Revista Oeste

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário

  1. depois de quase três anos o cara é absorvido mas todo o desgaste e narrativas mentirosas foram espalhadas ao vento…. e esse era o objetivo…a questão nunca é a questão para esses militantes esquerdistas que pululam em cargos públicos.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro