Toffoli assume ação que quer obrigar Bolsonaro a exibir provas de fraude nas urnas

Ministra Rosa Weber entendeu que a ação pode ser analisada pelo relator original do caso
-Publicidade-
Dias Toffoli é ministro do Supremo Tribunal Federal
Dias Toffoli é ministro do Supremo Tribunal Federal | Foto: Nelson Jr./SCO/STF

A vice-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Rosa Weber, decidiu deixar para o ministro Dias Toffoli a análise de uma ação que quer obrigar o presidente da República, Jair Bolsonaro, a exibir provas de que houve fraude nas últimas eleições.

Responsável por despachar casos urgentes durante o recesso do Supremo, Rosa Weber entendeu que a ação, apresentada pelo senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE), pode ser analisada pelo relator original do caso em agosto, quando a Corte retomar os trabalhos.

A interpelação judicial serve para esclarecer se as declarações de uma parte, neste caso Bolsonaro, são ofensivas. A depender da explicação, o caso pode gerar ação na Justiça. O presidente da República, porém, não é obrigado a apresentar esclarecimentos.

-Publicidade-

Leia também: “É proibido modernizar a urna eletrônica?”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

11 comentários

  1. Essa é uma rara vez que estou de acordo com esses pulhas. Esse Bolsonaro tem que deixar de ficar falando merda o tempo todo e desembuchar essas tais provas que nunca diz e fica a empurrar com a barriga a sua legião de trouxas indefinidamente. Mostra essa porra dessa provas! Embusteiro.

  2. Realmente é muito estranho o quase desespero de quem quer manter o sistema atual. A maioria do povo e o presidente querem apenas uma transparência maior. Qual mêdo nisto pessoal? Um sistema eleitoral (e o destino de uma nação) é importante demais para ficar a mercê de uma caixa preta virtual ou de uma meia dúzia de técnicos programadores. É por isto que os bancos disponibilizam extratos e comprovantes de depósitos em papel. Imagine se os bancos pararem de emitir estes documentos e informarem apenas os saldos? Poderiamos confiar na palavra do presidente do banco dizendo apenas que eles tem a melhor tecnologia e que deveriamos acreditar neles?

    1. Para quem diz que a proposta de Bolsonaro pelo voto impresso paralelo ao eletrônico (auditável) é um atraso, então deve dizer, também, que os bancos são atrasados porque eles emitem comprovantes no caixa eletrônico.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro