Witzel reconduz ao governo secretário supostamente envolvido no Covidão

Edmar Santos foi afastado porque teria cometido irregularidades na compra de respiradores; ele vai atuar em outra pasta
-Publicidade-
O governador Wilson Witzel toma posse na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) | Foto: Tomaz Silva
O governador Wilson Witzel toma posse na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) | Foto: Tomaz Silva

Edmar Santos foi afastado porque teria cometido irregularidades na compra de respiradores; ele vai atuar em outra pasta

O governador Wilson Witzel em cerimônia na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro
Foto: TOMAZ SILVA/AGÊNCIA BRASIL

Em edição extra publicada no Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro, o governador Wilson Witzel (PSC-RJ) decidiu readmitir um funcionário atolado em denúncias por suposto envolvimento no Covidão.

-Publicidade-

O ex-secretário de Saúde do Estado, Edmar Santos, foi afastado do cargo porque teria cometido irregularidades na compra de respiradores. Agora, ele volta ao governo, mas para ser “secretário extraordinário de acompanhamento das ações governamentais integradas da covid-19”.

Semanas antes de Edmar deixar o cargo, a Secretaria de Saúde foi alvo de uma operação policial que apura desvios na compra de equipamentos de combate ao coronavírus.

Conforme denunciou Oeste em reportagem de capa, o Estado do Rio de Janeiro comprou mil respiradores, em contratos sem licitação, que custaram R$ 183 milhões — ou R$ 183 mil por unidade.

O vírus chinês ressuscitou a indústria da calamidade pública.

 

Leia o documento

Fonte: Diário Oficial da União do Estado do Rio de Janeiro
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

13 comentários Ver comentários

  1. Fica absolutamente claro o arranjo. O secretário foi exonerado e o CANALHA criou outro cargo para que ele não abrisse o bico. O “governador” Witzel aplicou a técnica da Cadáver Insepulto (Dilma) que queria fazer com que o Carniça passasse a ter foro privilegiado. Dessa vez deu certo.

  2. Há criminosos desde letrados e até analfabetos. São insensíveis e impiedosos. Muitos aprendem a fingir sentimentos, se dar bem na política, acumular invejáveis patrimônios e, até o ponto que extrapolam e a máscara cai.

  3. Diante de tantas evidências do envolvimento do governador com as fraudes que foram cometidas, não seria o caso de decretar sua prisão preventiva? Receio que, pela força do cargo, ele poderá ocultar ou destruir provas. Estamos diante de um caso vergonhoso e que merece punição exemplar. A justiça não poderá falhar .

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.