Pular para o conteúdo
publicidade
Michel Temer, Alexandre de Moraes, Lula e Dilma Roussef | Foto: Montagem Revista Oeste/Wikimedia Commons//SCO/STF
Edição 150

Um governo de más notícias

Os números vão começar a cair no noticiário e na vida real das pessoas — e não poderão ser suprimidos com discursos sobre a “herança maldita” e o “genocídio” dos ianomâmis

J. R. Guzzo
-

A maior parte da esquerda brasileira, que se comporta cada vez mais como se as últimas eleições para presidente da República tivessem sido a conquista de Havana pelas tropas de Fidel Castro, continua convencida, pelos atos que pratica, de que a “ditadura do proletariado” já começou no Brasil. O presidente Lula, naturalmente, é o condutor dessa marcha da insensatez. É duvidoso que controle de fato o que estão fazendo em seu governo, ou que saiba direito o que está sendo feito, ou até quem foi nomeado para isso ou aquilo, mas está se achando o grande comandante mundial das lutas pela vitória do “socialismo” sobre a face da Terra. Imagina que é o Che Guevara do século 21, ou pelo menos o Nicolás Maduro do Brasil — ou, quem sabe, um novo Perón, com Evita e tudo. Na sua esteira, com as mesmas agressões ao Brasil do trabalho, da produção e das liberdades, vêm os ministros e a multidão de sócios-proprietários que invadiu o seu governo e começa a construir ali um caos digno de Dilma Rousseff. Ignoram que praticamente metade dos eleitores que foram votar no segundo turno, pelos números do próprio TSE, preferiu o seu adversário — e, por seu simples peso aritmético, teriam de ser levados em conta em qualquer projeto minimamente responsável de governo. Estão certos de que ganharam uma daquelas eleições cubanas em que o governo leva 99% dos votos e que, por isso, podem fazer o que bem entendem com o país, com 215 milhões de brasileiros e, sobretudo, com o dinheiro do Tesouro Nacional.

Será que vai ser assim mesmo, e tão fácil? Quer dizer: Lula faz uns discursos para criar a “moeda sul-americana”, o ministro da Justiça amontoa projetos, medidas provisórias e decretos-lei destinados à repressão política, o Senado reelege um presidente disposto a executar as instruções do Palácio do Planalto, as autoridades falam em todes e todes, e o Brasil vira socialista? A conferir, em futuro próximo — mas com apenas um mês de governo a revolução de Lula, do PT e da esquerda nacional começa a descobrir que a vida tem problemas. O primeiro deles foi uma espécie de bomba de hidrogênio nas ambições mais agressivas de se suprimir a oposição do Congresso Nacional. O ministro Alexandre Moraes, numa decisão que oferece o primeiro grande sinal de paz para a política brasileira nos últimos quatro anos, negou o destrutivo pedido de suspender a posse de 11 deputados da oposição — exigência de um grupo de advogados que está no coração da candidatura de Lula e ocupa postos-chave dentro do seu governo. Foi, possivelmente, a decisão mais acertada de um ministro do Supremo Tribunal Federal desde que a vida pública nacional entrou em parafuso com a eleição de Jair Bolsonaro para presidente do Brasil. O ministro Moraes deu um aviso claro, vigoroso e essencial para a segurança dos parlamentares da oposição: seus mandatos, conferidos pelo eleitor brasileiro, estão garantidos pelo STF — e não dependem, como pretendem os radicais de esquerda, de aprovação do governo para serem exercidos. A decisão desmonta, simplesmente, o pior ataque já feito pelo lulopetismo contra a liberdade parlamentar no Brasil — as últimas cassações de mandato por motivo político foram no Ato 5, durante a “ditadura militar” que Lula e o PT, pelo que têm feito, tanto gostariam de ressuscitar no Brasil. Foi um choque elétrico. “Daqui vocês não podem passar”, informou Moraes.

Ministro Alexandre de Moraes e o presidente Lula, antes de começar a sessão solene de abertura do Ano Judiciário, em 1/2/2023 | Foto: Fellipe Sampaio/SCO/STF

O ministro Alexandre de Moraes, que já havia desapontado a esquerda com a decisão de devolver o acesso às redes sociais do deputado Nikolas Ferreira, do PL — o mais votado nas últimas eleições, com quase 1,5 milhão de votos —, é um problema em aberto. Com 54 anos de idade e a vida pela frente, Moraes é um homem-chave no presente e no futuro da política brasileira. Vale, sozinho, pelos dez outros ministros do STF somados — com a exceção, talvez, de Gilmar Mendes, que também exerce influência decisiva no compasso do tribunal. Foi ele, disparado, a força que resolveu as coisas na liquidação de Bolsonaro e do bolsonarismo como força política no Brasil. Reduziu o ex-presidente a picadinho de alcatra. Só falta agora o último passo, que é tornar o homem inelegível — algo que talvez nem seja mais necessário. (Há gente que ainda tem medo de que Bolsonaro receba outros 60 milhões de votos daqui a quatro anos, mas sua conta, na vida real da política, já parece fechada.) A questão, para Lula e o seu sistema, é que uma hora qualquer, mais cedo ou mais tarde, o processo de desmanche de Bolsonaro vai acabar. E daí — o que o ministro Moraes vai fazer de lá para a frente, e durante os próximos quatro anos?

O pior momento, num mês com momentos ruins quase diários, foi esse súbito caminhão de ira que resolveu despejar em cima do impeachment de Dilma Rousseff

É claro que ele continua tendo a seu cargo o inquérito criminal que funciona, hoje, como a principal lei do Brasil, além, naturalmente, de todos os inquéritos derivados dali — e sem o arquivamento do processo todo a paz política e a segurança jurídica não voltam ao país. Mas não haverá, na linha de tiro de Moraes, a figura que tem sido o inimigo número 1, 2, 3, 4 e 5 de Lula e das forças que o apoiam. Não é a mesma coisa. Daqui para a frente, sem Bolsonaro, o ministro Moraes muda de natureza para Lula. A pergunta-chave é: seus planos vão ou não vão continuar andando juntos? Não está claro se os dois querem as mesmas coisas, e nem se o ministro está interessado em dividir o governo com o presidente. Não se sabe se ele pretende entrar em parceria com os extremistas que controlam hoje as decisões de Lula; no caso da agressão aos deputados, Moraes ficou contra eles e do lado da liberdade. Há outras coisas que não se sabe. O que se sabe é que as âncoras políticas do ministro, até o momento, têm sido o ex-presidente Michel Temer e o vice-presidente Geraldo Alckmin; isso não é o PT.

Michel Temer, em 31/8/2016, coordena a primeira reunião com sua equipe, após tomar posse na Presidência da República. À direita, Alexandre de Moraes, então ministro da Justiça e Cidadania | Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

Outro problema, para Lula, é a descoberta de que também ele, Sua Santidade, pode meter o pé na jaca. O pior momento, num mês com momentos ruins quase diários, foi esse súbito caminhão de ira que resolveu despejar em cima do impeachment de Dilma Rousseff. Foi um desastre. Ninguém ficou a favor; ao contrário, o presidente levou até dois editoriais indignados no lombo, um de O Estado de S. Paulo e outro de O Globo — já tinha levado um terceiro, da Folha de S.Paulo, contra a neurastenia repressiva do governo. Para que isso? Lula fez uma acusação alucinada: sem que ninguém tivesse lhe perguntado nada, disse que Dilma foi expulsa do governo por “um golpe de Estado”. Repetiu o disparate e, para coroar, se referiu ao “golpista Michel Temer” — tudo isso em viagem ao exterior e para plateias estrangeiras. É uma mentira primitiva, insultuosa e mal-intencionada. Dilma foi destituída por um procedimento absolutamente legal de impeachment, pelos votos de 61 senadores e 367 deputados, num processo que durou nove meses inteiros, foi supervisionado passo a passo pelo STF e no qual teve o mais amplo direito de defesa. Onde está o golpe? Estaria Lula anunciando que, se houver um processo de impeachment contra ele, também será “golpe”? E se estiver — o que adianta isso?

Dilma Rousseff, Michel Temer e Lula, em convenção nacional do PT, que confirmou a candidatura da ex-ministra à Presidência da República, em 13/6/2010 | Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

Foi uma ofensa grosseira ao Congresso, ao STF e à verdade mais elementar dos fatos; se ele não fosse Lula, seria punido histericamente pelas duas polícias de combate à “desinformação” que já foram criadas em seu governo. Foi, também, uma agressão sem pé nem cabeça contra o ex-presidente Michel Temer. A questão, aí, parece ser um velho e aparentemente incurável defeito de fabricação de Lula — sua incapacidade de controlar o próprio despeito. Temer fez, possivelmente, o melhor governo que o Brasil já teve no período da pós-democratização, se for considerado o país em ruínas que recebeu da era Lula-Dilma e o país que entregou ao seu sucessor — mesmo levando-se em conta o extraordinário sucesso de Fernando Henrique na eliminação da inflação e os evidentes êxitos econômicos de Jair Bolsonaro. O governo Temer só teve um problema: durou pouco, porque seu mandato constitucional foi curto. Tudo isso, muito simplesmente, é insuportável para Lula, o presidente das “heranças malditas” e imaginárias — um caso exemplar de problema que não contém a semente de uma solução, mas apenas a semente de um outro problema, e problema para ele mesmo.

YouTube video

O fato é que, depois de um mês no governo, Lula e o seu sistema não conseguiram gerar uma única boa notícia — nem para eles próprios. O único projeto de obra pública que Lula anunciou é na Argentina — e para a duvidosa construção de um gasoduto conhecido pelo nome de “Vaca Muerta”, para se ter uma ideia de onde estão querendo amarrar o burro do BNDES. A principal notícia no mundo dos negócios é a monumental fraude contábil das Lojas Americanas, em cujo comando figura o empresário Jorge Paulo Lemann, estrela entre os bilionários de esquerda do Brasil e grande destaque na ala dos apoiadores capitalistas do presidente. Os juros continuam em 13,75% ao ano, como resultado das expectativas ruins em relação à inflação. O mercado, a cada dia, mostra que não confia nem na competência e nem nas intenções da equipe econômica — e Lula, em vez de olhar para os problemas reais que provocam essa desconfiança, fica bravo com o mercado. O Ministério da Agricultura, peça-chave para a área mais produtiva da economia brasileira, está sendo substituído por um “Ministério do Desenvolvimento Agrário”. Os números do seu governo, inevitavelmente, vão começar a cair no noticiário e na vida real das pessoas — e não poderão ser suprimidos com discursos sobre a “herança maldita” de Bolsonaro, a guerra na Ucrânia e o “genocídio” dos ianomâmis. O presidente, queira ou não queira, vai ter de conviver com a realidade.

Leia também “Um governo em guerra contra quem produz”

74 comentários
  1. Marilia Ferreira Dela Coleta
    Marilia Ferreira Dela Coleta

    Evita Perón, apesar de suas origens e trajetória (minha fonte é confiável, testemunha ocular), tinha classe.

  2. Luiz de Paulo
    Luiz de Paulo

    A corja de imbecis úteis mais esta porcaria de stf com este time de medíocres juízecos colocaram esse lixo (não reciclável)no posto de presidente, e nós agora temos de suportar esta desgraça. Só por Deus mesmo!!

  3. Marcelo
    Marcelo

    Ver o Guzzo aceitando e de certa forma validando o poder auto concedido do supremo é muito triste e um pouco frustrante. Espera se que um jornalista de opinião faca um descrição dos fatos acompanhado de uma crítica.

  4. VIGANDO LUIZ VALCANAIA
    VIGANDO LUIZ VALCANAIA

    Simplesmente a pura ralidade.

  5. nader murad
    nader murad

    caro guzzo peco permissao para digitar comentario do artigo de augusto nunes

    a unica solucao e enviar para redacoes americanas e europeas sobre essa arbitra

    riedades contra presos em brasilia de inocentes e culpados sem direito a defesa violando a costituicao com a inercia da oab faam e ex imprensa do brasil

  6. Mozart
    Mozart

    E o pior de tudo é que estamos somente começando nessa trajetória de marcha á ré acelerada!!!

  7. Maria Regina Costa Cruz Fonseca
    Maria Regina Costa Cruz Fonseca

    É muito triste constatar que em um momento em que o Brasil estava pronto para caminhar para um futuro compatível com sua capacidade nos vemos mais uma vez andando para trás. Seremos sempre o País do Futuro????? Que Deus nos ajude ,,,

  8. Ana Kazan
    Ana Kazan

    O auto-Corretor estragou meu comentario. Onde está Fuzzy, por favor leia-se Guzzo.

  9. Ana Kazan
    Ana Kazan

    Fuzzy, cadê você nesta edição? Faz muito falta!

  10. Marcus
    Marcus

    Só me vem uma coisa a cabeça: Faz o L.

  11. Dalva da Silva Prado
    Dalva da Silva Prado

    Gratidão, por ter a felicidade de aprender a cada artigo com este gênio da palavra escrita. Dispensa adjetivos, elogios, porém, deveria ser obrigatório chegar ao conhecimento daqueles que se julgam donos do país. A ilustração da matéria, retrata fielmente, pelas expressões, onde chegamos.

  12. JOAN
    JOAN

    Enquanto a Rede Globo estiver de assessoria de imprensa do PT, tá tudo certo, maravilhoso e Lula o melhor presidente da historia do Brasil e o Bolsonaro continuará o genocida e um mal pra humanidade pelo menos para todos que votaram em Lula.
    Para todos que votaram no Lula ele tá sendo a salvação do Brasil do monstro Bolsonaro.
    Alguém sabe quanto custa esse trabalho da Rede globo? De graça eu sei que não é?

  13. Francisco De Assis Silva
    Francisco De Assis Silva

    Lula ladrão, incompetente e mentiroso, está totalmente senil e raivoso. Vai levar o país ao caos, e vai morrer sem culpa ou remorso. As gerações futuras, hoje jovens despreparados para a vida, em sua maioria, e fruto de um sistema de educação inadequado, com valores deturpados, pagarão a conta.

  14. Jaimisson Dos Santos
    Jaimisson Dos Santos

    O bebum vigarista e analfabeto se acha a rainha da cocada preta! Se acha o ultimo biscoito do pacote!!!
    Quando um porco ex presidiario invade um castelo…nao vira rei.
    Mas o castelo vira um chiqueiro!!!

  15. ALAN DE MIRANDA SILVA
    ALAN DE MIRANDA SILVA

    Esse governo está conseguindo fazer tanto mal ao país, que parece que se passou mais de um mês com tanta notícia ruim. Do jeito que vai eles conseguiram destruir as bases da economia brasileira em menos de um ano. Deus tenha misericórdia de nós!!

  16. Jarlan Barroso Botelho
    Jarlan Barroso Botelho

    Pelo ritmo de falácias, baboseiras e estupidez produzidas neste primeiro mês de governo, não será surpresa nenhuma se até o fim do ano, o Brasil esteja disputando com a Argentina o posto de novo sucessor da Venezuela como a pior economia das américas.

  17. LUIZ DA FONSECA
    LUIZ DA FONSECA

    Com ideias arcaicas e o cérebro corroído, este senhor se acha acima da humanidade Na verdade, o que assistimos hoje, sem Pallocci a lhe segurar na cadeira, sua imersão no lamaçal fétido, que é a sua veia política.

  18. Joel Barbosa Cardoso da Silva
    Joel Barbosa Cardoso da Silva

    Desisti deste pais, não interessa mais a coletividade, pratico esta por coerção e sobre protesto, nunca mais teremos um país de verdade, ou seja, teremos doravante um país de canalhas.

  19. Estella Bernardi Bouças Correa
    Estella Bernardi Bouças Correa

    A lucidez, e o discermimento de J.R.Guzzo nos fazem entender que não estamos sozinhos. Sua análise isenta de partidarismos, clara e convicta, mostra que sim, ainda podemos nos exprimir com elegância, à espera do rumo dos acontecimentos.

  20. Aderbal Alves Borges
    Aderbal Alves Borges

    Acredito que Moraes e Xuxu tem maiores pretensões para si e outros planos para Lula e vão descartá-lo logo. Lula tem-se mostrado mais incompetente que seus mentores e protetores gostariam. Também imagino que o Ministro (?) tem outros grandes desejos … quem sabe algum cargo Imperial (ou Ditatorial) aí pela frente?

    1. LUIZ DA FONSECA
      LUIZ DA FONSECA

      Com ideias arcaicas e o cérebro corroído, este senhor se acha acima da humanidade Na verdade, o que assistimos hoje, sem Pallocci a lhe segurar na cadeira, sua imersão no lamaçal fétido, que é a sua veia política.

  21. MB
    MB

    Ainda que Alexandre do STF, tenha ‘acertado’ no óbvio ululante, que é o respeito incondicional ao mandato de qualquer parlamentar, o servidor em questão continua tiranizando o Brasil 2023. E, por isso, não merece condescendências.

    1. R Fortes
      R Fortes

      Um porém: O autor endereça elogios a um malfeitor que apenas cumpriu a lei maior nesse episódio, uma obrigação que frequentemente insiste em transgredir. Tirando esse inesperado deslize, o artigo repete temas exaustivamente comentados.

  22. JAMIL HALLE NAJM
    JAMIL HALLE NAJM

    Sempre ladrão.

  23. PTRLC
    PTRLC

    Como sempre, um ótimo artigo. Vai ser o mesmo do mesmo,ou seja uma ineficiência extraordinária que sempre existiu nos governos socialista da Manelândia, a terra dos perdeu, Mané!

  24. Carlos F Menz
    Carlos F Menz

    Concordo plenamente com Victor (sem a opção ‘responder’): Temer é parte do problema…

    1. Terezinha de Jesus Miranda Gonçalves
      Terezinha de Jesus Miranda Gonçalves

      Lula corrupto e raivoso vai acabar com o Brasil.

  25. Elisabete de Godoi Buzoni
    Elisabete de Godoi Buzoni

    O dia que povo entender que Bolsonaro veio para derrubar máscaras de políticos, do STF, da justiça, dos meios de comunicação, das corrupções legais( através de contratos ), o país vai se desenvolver! Bolsonaro mostrou toda a podridão claramente, com vocabulário simples, para que todos entendessem. Não tinha nada de golpe, ele queria convencer o povo, que políticos não devem administrar o país, que são especialistas, técnicos das áreas que devem planejar o desenvolvimento do país. Trabalhei 30 em administração, e sei que só estes profissionais são capazes de resultados. Eu pensei isso no governo FHC, quando ele exigiu que área econômica não fosse comandada por políticos, e sim por profissionais da área, deu certo, Malan e sua equipe controlou a inflação, criou o real brilhantemente. Bolsonaro fez em todos ministérios, deu certo, pena, mais 4 anos de seu governo ia solidificar este sistema.

  26. Ed Camargo
    Ed Camargo

    Será que existe honra entre ladroes? Eu acredito que não. Foi com a ajuda de Moraes, através do roubo das eleições, que o Luladrao chegou à presidência da república bananeira. Mas qual é o endgame do Moraes? Não acredito que queira continuar sendo um dos capangas subalternos aos desejos do molusco, o que é vergonhoso para alguém que tenha alguns neurônios e habilidade de pensar, ficar se disponibilizando aos caprichos de um semi-analfabeto em posição de comando. Moraes tem intenções de ir muito além do que ser um simples nomeado a cargo de governo para garantir a permanência do tirano no poder. Moraes tem a natureza de um escorpião e logo ele vai ferroar o Luladrao. Por enquanto ficamos na expectativa de como essa novela de relacionamento entre bandidos evolui e qual será o grande final.
    Eu continuo com minha predição de que não existe honra entre bandidos.

  27. Carlos NÓbrega
    Carlos NÓbrega

    LULISMO E BOLSONARISMO
    Não tenho nenhuma coloração política nessa dualidade de conceitos extremos. São duas fontes que, na minha tradução, desvirtuam as essências da Politica e do Direito: o lulismo e o bolsonarismo.
    São dois movimentos onde o fascismo se mostra como base e princípio de suas conjugações e seus tutores verdadeiros artífices do egocentrismo, da vaidade e do “coletivismo criminoso” estimulado para invasões, depredações e destruições de propriedades privadas e de bens públicos, na plena característica do vandalismo e da bandidagem.
    Nem a “Carta de Puebla”, nem a “Minuta do Golpe” traduzem o pensamento e a vontade do povo brasileiro.
    Os paradigmas dessas mensagens são expressões que caracterizam o cardápio perfeito para a ditadura totalitária, para o fim da democracia e dos partidos, para perseguição aos opositores e censura dos meios de comunicação.
    Esperamos que os senhores congressistas, que assumiram suas obrigações nesta passada 4ª feira, saibam cumprir com as obrigações que se comprometeram junto ao eleitor brasileiro.
    03.02.2023

  28. Laercio Turco
    Laercio Turco

    Quem esperava coisa diferente chegou de Marte há pouco tempo!!!!!

    1. Marcelo De Gasperi
      Marcelo De Gasperi

      O atual criminoso colocado no cargo de presidente e um ladrao corrupto ex presidiário condenado por 9 juízes em 3 instancias
      Que vergonha

  29. SERGIO RODRIGUES MARTINS
    SERGIO RODRIGUES MARTINS

    Quem esperava coisa diferente do demiurgo de Garanhuns ou é ingênuo ou é burro mesmo!
    Cão ovelheiro só matando como diria meu avô! Essa anacrônica turma do pt vive em estado permanente de negação da realidade, caso para psiquiatria mesmo!

  30. Fe Coelho
    Fe Coelho

    A percepção de realidade que essa criatura tem é apenas da sua própria realidade absoluta, que pela lógica, não existe. Ele não vai, em vida, conceber a realidade concreta, que é aquela aceita neste mundão físico… Vai morrer achando que foi um semideus. Tenho pena dessa criatura e de toda a sua corja utilitarista, aquela tem certa consciência da coisa toda. Atrasam-se todos. À isso, piedade.

  31. MARIA SONIA LEÇA PEREIRA
    MARIA SONIA LEÇA PEREIRA

    Guzzo sempre perfeito em suas análises e na maneira objetiva de expô-las.

  32. Antonio Carlos Neves
    Antonio Carlos Neves

    Mestre Guzzo, Lula seria eleito com apoio do TSE e STF se não houvesse uma engenharia politica do PSDB? Fui tucano desde Montoro e Covas e me desliguei desse partido em 2019, ano que se revelaram os maus caráter FHC, DÓRIA e outras celebridades como economistas, advogados e artistas, enfim aqueles que queriam voltar ao poder, e a ascensão de Bolsonaro e da centro direita os impediria definitivamente. Imagino que até a desfiliação de Alckimin do partido foi no sentido de construir essa aliança com Lula. Penso que Lula brevemente vai dar um chapéu no Alckimin, ou o STF via Moraes (amigo de Alckimin, Temer) e claramente tucano darão um basta no descondenado.

  33. Daniel BG
    Daniel BG

    O Imbecil de Garanhuns vai provar, em sua vidinha de ladrão impune, que pau que nasce torto pode entortar para além da imaginação.
    Nossa lei tem de mudar, pois foi através dela que essa vergonha aconteceu.

  34. David Peixoto Sampaio
    David Peixoto Sampaio

    Queira ou não queira, o Presidente age como um SEMOVENTE.

  35. WILSON DOURADO DA GAMA FILHO
    WILSON DOURADO DA GAMA FILHO

    Com sempre um belo texto, o maior jornalista, talvez do planeta, a turma da FDS não nem no dedo do pé. Acho que esse governo de incompetentes e corruptos vai rodar, rodar e fazer o que o antigo governo fazia, “no way”.

  36. Mariangela Tirico Auricchio
    Mariangela Tirico Auricchio

    Mais uma vez, texto primoroso de mestre Guzzo.

  37. Oldair Dorigon Bianco
    Oldair Dorigon Bianco

    Muito bom artigo, na mosca!

  38. Marco Antonio Saucedo Ceccatto
    Marco Antonio Saucedo Ceccatto

    Exatamente Victor, menosprezar o único presidente que realmente quis mudar a velha política é uma tremenda injustiça. O Presidente Bolsonaro estava revolucionando o Brasil na geo-política mundial a mera comparação dele com o Vampiro de Varginha é ridícula.

  39. Arnaldo de Mesquita Bittencourt Filho
    Arnaldo de Mesquita Bittencourt Filho

    Excelente !

  40. Maria do Rosario de Castro Solla
    Maria do Rosario de Castro Solla

    Meu Deus, o que sera de nos…

  41. Maurício Castelo Branco Valadares
    Maurício Castelo Branco Valadares

    Após Constituição de 88, tivemos 5 presidentes eleitos: Collor, FHC, LULA, DILMA e BOLSONARO. Itamar e Temer não são aqui considerados pois eram vices que assumiram após quedas dos eleitos. Destes 5, 2 foram embora por Impeachment e OUTRO preso por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Ou seja, 3 deles, ou 60% desses eleitos não nos prestaram a nada. Que República é esta? De Vira Latas?

    1. Paulo Roberto Zanetti
      Paulo Roberto Zanetti

      Bolsonaro vai ter que se fingir de morto para sobreviver a sanha de quem acabar com todos os seus vestígios na política. Está difícil conseguirem alguma coisa contra ele, por mais que tentem, mas vão tentando, todo dia. Enquanto isso, temos que que aguentar esse governo insípido, essa perda de tempo para o país, esse retrocesso, nos imposto goela abaixo. Mas, como foi dito, o tempo não pára, e nada melhor do que um dia após o outro.

  42. Mara Nadia Jorge Mattos
    Mara Nadia Jorge Mattos

    Parabéns, excelente matéria, do governo Lula só podemos esperar o pior.

  43. Mara Nadia Jorge Mattos
    Mara Nadia Jorge Mattos

    Parabéns, excelente matéria, do governo Lula só podemos esperar o precipício.

  44. nader murad
    nader murad

    lula inciste em tirar autonomia do banco central e vai cair do cavalo

    e o hadad nao convenceu assim a mediucribilidade se torna a

    marca registrada desse lula 3

  45. nader murad
    nader murad

    isso tudo sem ,mencionar o pedido ao cogresso para ressucitar o imposto sindical e o ministro marinho quer vinculo trabalhista nos app uber 99
    que estao dando certo e outras extragancia de flavio dino

  46. Gabriela de Melo crema
    Gabriela de Melo crema

    Pior do que ainda ter que aguentar Lula é ter que aguentar e conviver com quem defende o dito cujo ,🥲

  47. SERGIO RODRIGUES MARTINS
    SERGIO RODRIGUES MARTINS

    Grande decano mestre Guzzo!
    Como diz o adágio: A soberba precede a queda!

  48. Emilio Sani
    Emilio Sani

    Muito boa análise, e eu creio que não quis especular, mas eu vou: Alckmin aceitou ser vice porque sabia que só lula tinha condições de ganhar, mas o plano é deixar lula cair sozinho e ele está fazendo tudo como dilmo3, e então vai facilitar a vida do ex psdb

    1. Carlos F Menz
      Carlos F Menz

      Aquela criatura nunca teve condições de derrotar Bolsonaro. A análise das urnas mostrou a realidade: Mais de 60% dos votos para o Presidente. Xuxú não teria nem 10%, então ficaria impossível manipular as urnas. Precisavam do descondenado para angariar um mínimo plausível de votos e dar credibilidade à manipulação. Depois foi deixar rolar o algoritmo. Na realidade o molusco não está no plano Xuxú/Xandão, foi um mal necessário para o plano maior. Aguardem.

  49. Willyan Cleber De Araujo
    Willyan Cleber De Araujo

    Excelente crônica de J.R. Guzzo. Parabéns!

  50. Demis Cunha
    Demis Cunha

    Ótima matéria Guzzo! Acredito que Lula não dure 2 anos no cargo.

  51. Alfredo Bandeira Conde
    Alfredo Bandeira Conde

    Sr. Jose Roberto Guzzo pra mim expoente do jornalismo Brasileiro – Seu poder de sintaxe sobre os fatos e principalmente sobre a derrocada do relacionamento de Moraes com Lula são previsões que somente quem enxerga longe pode preconizar como o senhor o fêz – Auguremos tempos melhores pra nosso Brasil considerando nossas idades de não mais menino esperando o Brasil do futuro chegar – Chegou com PIB melhor que o da China ! mas isso o jornalismo de rodapé não enfatiza – Saúde ao senhor – Alfredo Conde /.

  52. DONIZETE LOURENCO
    DONIZETE LOURENCO

    Não tenho dúvidas que a verdade prevalecerá. Podemos enganar alguém por algum tempo mas enganar a todos o tempo todo me parece impossível, salvo os integrantes da sua militância acéfala.

  53. djanuzi fontini reis
    djanuzi fontini reis

    Muito boa a matéria. Mas, tenho um pé atrás com as duas decisões recentes do Morais. Me pareceu mais que ele ficou com medo do Pacheco perder a eleição no Senado.

    1. Leonardo Gomes Pinto de Abreu
      Leonardo Gomes Pinto de Abreu

      Excelente síntese da vida política nacional. Tbm acho q necessariamente aparecerá um novo líder da direita conservadora. Bolso deu o q tinha de dar. Se a economia começar a naufragar, a classe falante vai protestar e o governo petista ficará por um fio. A ver

  54. Luiz Ramos
    Luiz Ramos

    Ufa
    Chegou a dose semanal de equilíbrio e bom senso, no meio da mediocridade que lemos em outros órgãos da imprensa.
    Obrigado maestro !!!!

  55. idevaldo Rodrigues silva
    idevaldo Rodrigues silva

    J.R Guzzo
    Como sempre foi, Sr Guzzo, é o melhor comentarista, jornalista, e analítico da política Brasileira. Sempre lógico, balanceado e claro ao expor os fatos. Elumina os pensamentos e sentimentos que sinto. Parabéns

  56. José Renato Santana Borges
    José Renato Santana Borges

    Excelente matéria.

  57. Osmar Martins Silvestre
    Osmar Martins Silvestre

    Não surpreende o artigo de J.R. Guzzo pela qualidade, de sua análise, sempre precisa.
    O embate entre Morais e Lula me parece, de fato, que mais cedo ou mais tarde vai acontecer, porque Lula ainda não entendeu porque está onde está, e quem é o chefe, quem manda de fato. No meu ponto de vista, Lula passou do prazo de validade. Só serviu para botarem lá um anti-bolsonaro, não um presidente. O que pode alegrar um pouco é que, nesse cenário, a implantação do comunismo no Brasil ainda não seria para agora. Vamos torcer para que pelo menos isso não teremos, por enquanto.

    1. Walter Rodrigues Filho
      Walter Rodrigues Filho

      Estou de acordo com sua avaliação. Na minha opinião, desde os anos 80 existe uma disputa entre a esquerda da fábrica e a esquerda da faculdade. Lula x FHC, para resumir. Uma tem músculos a outra tem miolos. Nos ultimos 15 anos vimos uma batalha de morte entre as duas. A direita ficou de simples espectadora (Afinal, alguém tem que tomar conta da lojinha). Com a ameaça iminente desse “intruso” (a direita) houve uma aliança episódica entre as 2 esquerdas. Vai acabar rápido pois a verdadeira ameaça a uma e outra são: – uma e outra. A direita vai continuar de espectadora, D. Baratinha, enquanto as cigarras disputam as luzes da ribalta. É só tomar cuidado para não matar a “baratinha”. pois senão a vaca vai pro brejo…ou melhor, para ser mais atual: – “la vaca é muerta!”

  58. maisvalia
    maisvalia

    Fora Luladrão

  59. Denise nicolau correa
    Denise nicolau correa

    Parabéns, fatos e verdades ditas de forma brilhante e honesta…

    1. Rita de Cássia Guedes
      Rita de Cássia Guedes

      Enquanto houver um Guzzo analisando ,fazendo críticas objetivas da situação política do país teremos um porta voz do que está engasgado em nossas gargantas! Obrigada Guzzo!

  60. LINO
    LINO

    Parabéns, Mestre Guzzo, por esse magnífico artigo, e obrigado!

    1. Neuza De C Buss
      Neuza De C Buss

      Todo mundo sabia que Lula nao tem compedencia de governar, olhar para tras 13 anos de governo nao fez nada. So estava na midia, malas de dinheiro em apartamentos e dinheiro na cueca e outros em bancos fora di Pais. Deram permissao para ele fazer tudo de novo. 38 ministerio vao gastar horrores.

      1. Victor
        Victor

        Ótima análise feita pelo Guzzo. Só um pequeno ponto a discordar: que o governo Temer tenha sido o melhor desde a redemocratização. O senhor Temer também foi parte do problema gestado no desgoverno de Dilma. O senhor Temer não precisou enfrentar uma pandemia mundial nem as agruras de uma guerra na Europa.

    2. Marcelo De P. Santos
      Marcelo De P. Santos

      A democracia é uma burrice! Analfabetos miseráveis definem o futuro da nação, só por cause de um bolsa família, bolsa ladrão, bolsa artista, bolsa escola, bolsa tudo e mais e pouco. Vergonha! Olha aonde o Lula teve maior votação, e cruza os dados com o IDH local!
      Bando de gado magro sem perspectiva de vida e trabalho! Só querem o benefício social, sem contribuir em nada para tanto! O socialismo e comunismo funcionam muito bem, enquanto durar o dinheiro dos outros!!!!

Anterior:
Augusto Batalha, locutor: ‘Minha mulher deu chineladas no monstro do parque’
Próximo:
Carta ao Leitor — Edição 217
Newsletter

Seja o primeiro a saber sobre notícias, acontecimentos e eventos semanais no seu e-mail.