Doria considera flexibilizar o isolamento a partir de junho

Por enquanto, o governador descarta abrandar as medidas restritivas no Estado de São Paulo; tucano tem sido alvo de protestos
-Publicidade-
SP - COVID-19 SAO PAULO, COLETIVA DE IMPRENSA GOVERNADOR - GERAL -  -  -  - COVID-19 SAO PAULO, COLETIVA DE IMPRENSA GOVERNADOR - O Governador de  João Dória concede coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes no bairro do Morumbi, zona Sul de , nesta Quarta-feira (20). O Brasil declarou estado de calamidade pública e registra milhares de casos da doença provocada pelo COVID-19 (Coronavirus) e  concentra o maior número de casos da doença em todo o pais. 20/05/2020 - Foto: ETTORE CHIEREGUINI/AGIF - AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/AGIF - AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO
SP - COVID-19 SAO PAULO, COLETIVA DE IMPRENSA GOVERNADOR - GERAL - - - - COVID-19 SAO PAULO, COLETIVA DE IMPRENSA GOVERNADOR - O Governador de João Dória concede coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes no bairro do Morumbi, zona Sul de , nesta Quarta-feira (20). O Brasil declarou estado de calamidade pública e registra milhares de casos da doença provocada pelo COVID-19 (Coronavirus) e concentra o maior número de casos da doença em todo o pais. 20/05/2020 - Foto: ETTORE CHIEREGUINI/AGIF - AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/AGIF - AGÊNCIA DE FOTOGRAFIA/ESTADÃO CONTEÚDO

Por enquanto, o governador descarta abrandar as medidas restritivas no Estado de São Paulo; tucano tem sido alvo de protestos

O governador João Doria em São Paulo: “flexibilização” a partir de junho? | Foto: ETTORE CHIEREGUINI/ESTADÃO CONTEÚDO

O governador João Doria (PSDB-SP) afirmou nesta quarta-feira, 20, que deve relaxar as medidas de isolamento social no Estado a partir de junho. O processo vai ser por etapas.

-Publicidade-

“Haverá um período, a partir de 1º de junho, em fases escalonadas, cuidadosas, zelosas, e com o setor privado, para a flexibilização”, afirmou Doria em entrevista à rádio Jovem Pan.

No entanto, o tucano descartou abrandar as regras de confinamento antes do prazo estipulado. “Isso ocorrerá quando possível. Neste momento, não. Nós estamos na pior fase do coronavírus no Brasil”, afirmou.

Doria menciona que 26% dos 645 municípios do Estado não têm registro de casos de coronavírus. Além disso, garante que as autoridades estaduais analisam a taxa de ocupação do sistema de saúde, para fazer a reabertura.

Conforme veiculou Oeste, a maior parte dos brasileiros está ignorando as medidas restritivas dos governadores. Em todos os Estados mais o Distrito Federal, o porcentual de pessoas em casa é menos de 50%.

Manifestações

Recentemente, a população de São Paulo tem ido às ruas e às redes sociais para protestar contra o isolamento decretado por Doria, que avalia implementar o lockdown no Estado.

Entre os motivos de descontentamento está a compra de respiradores acima do preço. O Palácio dos Bandeirantes adquiriu 3.000 equipamentos que custaram meio bilhão de reais.

Na Assembleia Legislativa de São Paulo há três pedidos de impeachment contra o governador.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

6 comentários Ver comentários

  1. Dória é o Nero brasileiro que quer acabar com o estado de São Paulo, não incendiando, porém quebrando a economia. O João Agripino da Costa Dória não é filho de Agripina que Nero tentou matar, mas tem o nome no masculino da mãe de Nero. Portanto, adquiriu a mesma irresponsabilidade e falta de respeito pelo povo paulistano. Acabar com a economia é o mesmo que deixar milhares de desempregados, comerciantes falidos e fome para os ambulantes. Ele que fala em “salvar vidas” vai destruir a vida da população brasileira,, pois o que faz em São Paulo vai repercutir em todo o Brasil. Este “louco” varrido cópia quase fiel do romano Nero e de Hitler, segue seu caminho em desvario. Vamos ver até quando?

  2. Doria é um Haddad da vida. Tão incompetente quanto. O povo de SP não merece passar por tanto sofrimento com essas aberrações no poder.

  3. Com apoio e ajuda dessa imprensa desacreditada por 73% da população e que dá palanque para esses incompetentes e inconsequentes que fazem a ditadura ao seu bel prazer.
    É a unica coletiva que não deixa de ir ao ar diariamente. Será porque ??? Irrigação de grana ??? A imbecilidade é tão gritante que já virou motivo para o João Glória fazer sucesso

  4. Nunca vi um mandatário tão incompetente diante de uma crise. Mais perdido que cego em tiroteio. Equivocadamente vislumbrou uma oportunidade política e se perdeu, em meio a acusações gravíssimas de corrupção. Esse não ganha nem pra síndico mais…

  5. O Ibaneis é arrogante, hipócrita e interesseiro, mas quando foi pressionado pela população recuou, parou de atacar Bolsonaro e começou a trabalhar. Agora o Doria, o Doria, o Doria… é incomparavelmente pior!

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.