Startup Olist, de e-commerce, levanta aporte de R$ 310 milhões

Investimento é resultado da aceleração do comércio eletrônico durante o período da pandemia
-Publicidade-
De março a maio, Brasil ganhou uma loja virtual por minuto | Foto: Pikrepo.com
De março a maio, Brasil ganhou uma loja virtual por minuto | Foto: Pikrepo.com | e-commerce - lojas virtuais - brasil - pandemia

Investimento é resultado da aceleração do comércio eletrônico durante o período da pandemia

e-commerce cresce no Brasil
Comércio eletrônico ganha mais espaço no Brasil | Foto: Canva
-Publicidade-

 

A startup Olist, especializada em e-commerce, anunciou na quinta-feira 19, que recebeu uma nova rodada de aportes de R$ 310 milhões. O valor foi liderado pelo grupo japonês SoftBank, que já havia participado de uma rodada de R$ 190 milhões na empresa em 2019.

Segundo Tiago Dalvi, CEO da startup, a busca por um novo investimento é resultado da aceleração do comércio eletrônico durante o período da pandemia do coronavírus. “A quarentena nos fez avançar a estratégia em um ano e meio. Por isso, precisamos nos capitalizar”, diz.

Fundada em 2015 por Dalvi, a empresa curitibana tem hoje 480 funcionário, e é conhecida por ajudar lojas físicas a terem uma presença online, colocando seus produtos à venda em sites como MercadoLivre, Amazon e Submarino pelo sistema de marketplace.

Além disso, a empresa também disponibiliza o Olist Shops, um serviço que ajuda vendedores a criar sua própria loja online de forma fácil. Outro braço da startup é o Olist Envios, que garante a logística por trás das vendas. Somados, os três serviços tem hoje 90 mil clientes – o triplo do que a startup possuía em junho deste ano. “Estamos crescendo em três dígitos e queremos manter esse ritmo pelos próximos três anos”, afirma Dalvi, que atende clientes em 165 países diferentes.

Junto ao aporte, a Olist também revelou a compra da Clickspace, especializada em soluções de comércio via canais sociais. O valor da operação não foi revelado. “Estamos interessados em fusões e aquisições, em temas como e-commerce, finanças e logística”, afirma Dalvi. Segundo ele, mais uma aquisição deve ser anunciada até o final de 2020.

Com informações Estadão Conteúdo

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site