Apple doa 10 milhões de máscaras para hospitais combaterem a covid-19

"A todos os heróis da linha de frente, agradecemos", escreveu numa rede social o presidente empresa, Tim Cook
-Publicidade-
O presidente da Apple, Tim Cook. Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR
O presidente da Apple, Tim Cook. Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR

“A todos os heróis da linha de frente, agradecemos”, escreveu numa rede social o presidente da empresa, Tim Cook

Em parceria com o governo do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, a Apple vai doar 10 milhões de máscaras para profissionais da saúde dos Estados Unidos e da Europa, informou ontem o jornal The Verge. Na última semana, a demanda pelo item disparou em vários países, sobretudo nos EUA que, segundo a Organização Mundial da Saúde, podem se tornar o novo epicentro da covid-19.

Ademais, informa a reportagem que, nos próximos dias, a empresa de tecnologia também vai providenciar outros materiais hospitalares, como artigos de higiene e luvas. “Estamos doando milhões de máscaras para profissionais de saúde nos EUA e na Europa. A todos os heróis da linha de frente, agradecemos”, escreveu numa rede social o presidente da Apple, Tim Cook.

-Publicidade-
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.