Covid-19: SP marca data para novo ciclo de vacinação em 2022

A informação foi anunciada pelo secretário paulista de Saúde, Jean Gorinchteyn
-Publicidade-
O secretário estadual de Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn
O secretário estadual de Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn | Foto: Governo do Estado de São Paulo

Em São Paulo, um novo ciclo de vacinação contra a covid-19 já está previsto para ter início em 17 de janeiro de 2022 — data que marca um ano da primeira aplicação desse tipo de imunizante no Estado. A informação foi anunciada pelo secretário paulista de Saúde, Jean Gorinchteyn, durante a entrega de 1 milhão de doses da CoronaVac, nesta segunda-feira, 19.

Leia também: “Fiocruz recebe novo lote de insumos para produzir 10 milhões de doses”

“Essa nova fase de imunização contra a covid irá se iniciar em 17 de janeiro do ano que vem”, disse Gorinchteyn. “Foi exatamente o dia que nós vacinamos a primeira brasileira aqui de São Paulo, Mônica Calazans.” Ele afirmou que o novo cronograma ocorrerá independentemente de consenso com o governo federal.

-Publicidade-

O anúncio aconteceu em meio à campanha de imunização de 2021. Segundo as autoridades estaduais, até as 9 horas de hoje, 7,8 milhões de paulistas completaram o ciclo vacinal deste ano e 22,3 milhões haviam passado apenas pela primeira aplicação de um imunizante de duas doses. O Estado tem 44 milhões de habitantes.

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

10 comentários

  1. Contando com o ovo no ovoduto, de novo. Já venderam o novo placebo do Butantan ao gov federal? Vão repetir o golpe? Combinaram com os… chineses?

  2. vacina de agua destilada, que não cria anticorpos????…os Paulistanos estão sendo usado como cobaia. China tudo copia, e quem copia não tem garantia ?! china a nação come rato !!!!

  3. Esse cientista que esta na mídia desde o início da pandemia virou o marqueteiro da Dória comércio e distribuição de vacinas chinesas. Por enquanto.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site