Deputada do PSOL quer retirar monumentos das ruas de São Paulo

De acordo com projeto da deputada estadual Erica Malunguinho (PSOL), monumentos que prestam homenagem a figuras históricas escravocratas devem ser retirados
-Publicidade-
Monumento às Bandeira em São Paulo | Foto: Mike Peel/Wikimedia
Monumento às Bandeira em São Paulo | Foto: Mike Peel/Wikimedia | Monumentos

De acordo com projeto da deputada estadual Erica Malunguinho (PSOL), monumentos que prestam homenagem a figuras históricas escravocratas devem ser retirados

Monumentos
Monumento às Bandeira em São Paulo | Foto: Mike Peel/Wikimedia
-Publicidade-

Uma deputada estadual de São Paulo protocolou um projeto de lei para a retirada de estátuas de pessoas que estejam ligadas à escravidão no Brasil.

De acordo com a proposta de Erica Malunguinho (PSOL), monumentos “que prestem homenagem a escravocratas ou eventos históricos ligados a prática escravagista devem ser retirados de vias públicas e armazenados nos Museus Estaduais, para fins de preservação do patrimônio histórico”.

Veja também: “Vandalismo contra estátuas nos EUA passa a ser punido com prisão”

“Os prédios estaduais, locais públicos estaduais, rodovias estaduais cujos nomes sejam homenagens a escravocratas ou eventos históricos ligados ao exercício da prática escravista deverão ser renomeados no prazo máximo de 12 meses a contar da data de publicação desta lei”, diz o projeto da deputada, informa o jornal O Estado de S. Paulo.

História

Após a morte de George Floyd, nos Estados Unidos, as estátuas de figuras históricas acabaram virando alvo de manifestantes exaltados em muitos países do mundo.

O presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, chamou de “imbecilidade” o vandalismo que foi realizado em uma estátua do padre Antônio Vieira em Lisboa.

O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, classificou como “vergonhoso” o ataque a uma estátua de Winston Churchill. O então primeiro-ministro foi o líder do Reino Unido durante o período mais duro da Segundo Guerra Mundial, combatendo o nazismo.

Mais: “Espanha lamenta vandalismo em estátuas de espanhóis nos EUA”

Para a deputada do PSOL, o Brasil não fez o suficiente em relação a reparação histórica e a promoção da igualdade racial, especialmente “no que diz respeito à ampliação do direito à História e à memória”, conforme consta no projeto.

A estátua de Borba Gato, na Avenida Santo Amaro, foi ameaçada por grupos radicais. O bandeirante, que viveu entre 1649 e 1718, ajudou na escravização de escravos durante o período colonial.

Para o jornal O Estado de S. Paulo, a Secretaria Municipal de Cultura da Prefeitura de São Paulo informou que essa questão deve ser ‘amplamente debatida com a sociedade’  e defendeu que sejam feitas consultas públicas sobre o tema.

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

16 comments

      1. Eles não tem mais o que fazer??? Tipo trabalhar para propor melhorias e idéias uteis…
        Isto bom ou mal representa a história do país, onde se possível e seguro, muitas aulas poderiam ser ministradas diante de tais estatuas ou monumentos que mostram o Bem e o mal Imposto ao povo deste país…

      1. Emprego ela Tem precisa Trabalhar dentro das Obrigações que a função Exige.

      1. DEUS entra no contexto racista como Sr. Villar? Não há limites para as retaliações racistas da extrema-esquerda Srs : Realmente merecem um Trump no lombo .
        OSr. DEUS , Está bem longe de divisão Gramscista/racista .
        Professor disseminando ódio, é o que não falta no Brasil.

    1. Eles não tem mais o que fazer??? Tipo trabalhar para propor melhorias e idéias uteis…
      Isto bom ou mal representa a história do país, onde se possível e seguro, muitas aulas poderiam ser ministradas diante de tais estatuas ou monumentos que mostram o Bem e o mal Imposto ao povo deste país… 8

  1. Fico impressionada com a falta de respeito com a história !! O mundo tem um passado, com coisas boas e outras nem tanto…mas próprias de uma época.

  2. Esse revisionismo da história, típico de governos da cortina de ferro, na década de 50 e 60 do século passado, evidencia o anacronismo das propostas dessa esquerdalha nojenta que infelicita o nosso país.

  3. Essa cretina representa o que existe de mais escroto nessa canalha vermelha que insistem em perder tempo com coisas sem sentido. Raça desgraçada de políticos que precisa ser exterminada da vida pública no nosso país.

  4. Só existiu escravidão negra, não é? Desde que o mundo é mundo o Brancos escravizaram o Brancos, Amarelos escravizam Amarelos e Negros escravizaram negros, tanto é que quando os portugueses chegavam com seus navios nas costas da África não tinham o trabalho de capturar escravos, comparavam os negros capturados por tribos africanas em suas lutas tribais por hegemonia da sua etnia. Se esta turma procurasse se informar lendo a fundo a história da escravidão no mundo, teria vergonha de tanta burrice falada até hoje.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site