Estados requisitaram menos de 10% dos médicos ofertados pelo governo federal

Governadores demandaram menos de 10% dos médicos disponibilizados pelo governo federal para atuação durante a pandemia do novo coronavírus
-Publicidade-
Profissionais são remunerados pelo governo federal | Foto: Erasmo Salomão/MS
Profissionais são remunerados pelo governo federal | Foto: Erasmo Salomão/MS | médicos do governo federal

Governadores demandaram menos de 10% dos médicos cadastrados pelo governo federal para atuação durante a pandemia

médicos do governo federal
Profissionais são remunerados pelo governo federal | Foto: Erasmo Salomão/MS

Apesar da alta demanda pela rede pública de saúde durante a pandemia, menos de 10% dos médicos cadastrados pelo Ministério da Saúde foram solicitados pelos governos estaduais. Dos mais de 430 mil profissionais habilitados pelo programa Brasil Conta Comigo, apenas 400 estão atuando até o momento.

-Publicidade-

Lançado em abril pelo governo federal, o programa consiste em cadastrar profissionais de saúde para atuação em todos os Estados durante a pandemia. A contratação é temporária, por até seis meses, e a remuneração se faz de acordo com o salário-base de cada categoria.

Leia mais: “Covidão: CGU já detectou potenciais prejuízos da ordem de R$ 44,1 milhões”

No entanto, os profissionais devem ser requisitados pelos governadores junto ao Ministério da Saúde. Entre os Estados que solicitaram ajuda ao governo federal, o Amazonas recebeu mais de 300 dos médicos que atuam no programa.

Além dos profissionais formados, o governo federal disponibilizou para os Estados estudantes da área de saúde. Mesmo assim, dos quase 110 mil voluntários, menos de 2,5 mil foram solicitados pelos governos estaduais.

Segundo o Ministério da Saúde, os estudantes selecionados passam por capacitação e têm direito a uma bolsa mensal — provida pelo governo federal —, no valor de R$ 1.045,00, correspondente à carga horária de 40 horas semanais.

Veja o painel de Oeste com os números da pandemia no Brasil e no mundo

 

 

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comentários

    1. O que os governadores queriam do Governo Federal era o dinheiro do contribuinte e não médicos. Os desmandos cometidos pelo establisment em nome da epidemia será mais uma página vergonhosa da nossa história.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.