Globo perde exclusividade de direitos digitais da Copa do Mundo de 2022

YouTube, Facebook e TikTok estudam a viabilidade de um acordo com a Fifa para a transmissão dos jogos
-Publicidade-
A Copa do Mundo de 2022 será no Catar
A Copa do Mundo de 2022 será no Catar | Foto: Divulgação/Fifa

O Grupo Globo renunciou à exclusividade nos direitos de transmissão pela internet da Copa do Mundo de 2022. A decisão ocorre depois de longa batalha judicial contra a Fifa para reduzir o valor das parcelas de seu acordo de TV para a transmissão da maior competição do mundo.

Agora, a entidade que rege o futebol tem oferecido pacotes de jogos do torneio por streaming diretamente às plataformas digitais no Brasil. De acordo com a Folha de S.Paulo, empresas como YouTube, Facebook e TikTok já foram procuradas e estudam a possibilidade de firmar acordo. O pacote, avaliado em US$ 8 milhões, o equivalente a R$ 43 milhões, permite ao patrocinador explorar a publicidade nos estádios durante os 64 jogos do Mundial.

A Globo continuará exibindo as partidas do campeonato na televisão aberta e no seu canal esportivo por assinatura, o SporTV. No entanto, não há mais exclusividade nas plataformas digitais, seja no Globoplay ou em seus portais na internet, que transmitiram os jogos das Copas de 2010, 2014 e 2018.

-Publicidade-
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

8 comentários Ver comentários

  1. A globo com o tempo, irá perceber que escolheu o lado errado!
    A rede de TV se comporta como uma criança birrenta, como perderam a mamata do dinheiro
    público, faz de tudo para derrubar o governo, e apoia a volta de Lula e toda a turma do PT que sucateou o país, uma vergonha rede globo

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.