Gustavo Raposo renuncia ao cargo de presidente da Transpetro

Empresa atua nas atividades de transporte e armazenamento de petróleo e derivados
-Publicidade-
Gustavo Raposo está no comando da Transpetro desde março de 2020 | Foto: Reprodução/Mídias Sociais
Gustavo Raposo está no comando da Transpetro desde março de 2020 | Foto: Reprodução/Mídias Sociais

A Petrobras comunicou nesta terça-feira , 21, que Gustavo Santos Raposo renunciou ao cargo de presidente da Transpetro — subsidiaria da Petrobras atuante no transporte de petróleo, óleo e gás. A carta de demissão recebida pelo conselho da companhia terá efeito a partir da próxima sexta-feira 24.

Leia também: “Silva e Luna: Petrobras não repassa volatilidade momentânea ao preço dos combustíveis”

Os conselheiros irão deliberar sobre a nomeação do diretor de Serviços da Transpetro, Luiz Eduardo Valente, para assumir a presidência, observada a governança de indicações da Petrobras.

-Publicidade-

Leia mais: “Denunciados na Lava Jato, irmãos Efromovich são absolvidos pela Justiça”

Valente é graduado em Engenharia Química pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e pós-graduado em Engenharia de Processamento de Petróleo na mesma instituição. Ele iniciou sua carreira na Petrobras em 1980, onde ocupou cargos de gerência. O executivo também passou pela Braskem, na qual a Petrobras é acionária.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.