Mais de 70 milhões de brasileiros estão totalmente imunizados

É o que informa o Ministério da Saúde
-Publicidade-
44% da população maior de 18 estão com o ciclo vacinal completo
44% da população maior de 18 estão com o ciclo vacinal completo | Foto: Reprodução/Pixabay

O Brasil ultrapassou a marca de 70 milhões de pessoas imunizadas contra a covid-19 — seja porque tomaram as duas doses da vacina, seja porque tomaram o imunizante de dose única. Segundo informações divulgadas neste sábado, 11, pelo Ministério da Saúde, 44% da população maior de 18 anos estão com o ciclo vacinal completo.

Mais de 136,9 milhões de aplicações foram realizadas em primeira dose, ou seja, mais de 85% da população adulta vacinável recebeu ao menos uma dose de imunizante contra a doença causada pelo novo coronavírus.

“Quando assumi o Ministério da Saúde, o objetivo era vacinar 1 milhão de pessoas por dia, número que estamos atingindo com normalidade”, afirmou o ministro Marcelo Queiroga. “Se continuarmos nesse ritmo, será possível vacinar todo o público-alvo do país com as duas doses até outubro.”

-Publicidade-

Acompanhe também: “A evolução do coronavírus no Brasil e no mundo”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

15 comentários

  1. A vacinação se iniciou em fevereiro/2019, já se passaram 8 meses e estamos com 44% da população vacinável com o ciclo completo, faltam então 56% mas vamos admitir que se atinja apenas 75% que dizem ser satisfatório, então faltam apenas 31%, então vamos colocar mais 7 meses para completar os 75%, quando encerraremos essa vacinação, se continuar com o mesmo ritmo, em abril/2022 ou seja 1 ano e 2 meses de campanha. Vai emendar com a campanha de 2022, ou seja, isso não irá acabar nunca! Está havendo até superposição de um ano para outro.

  2. Dados de uma campanha de vacinação experimental, ninguém sabe o grau de imunização, ninguém sabe quantos serão atingidos por efeitos adversos; dados sobre experimentação são escamoteados, dados sobre efeitos adversos e mortes decorrentes em vacinados são escamoteados, dados sobre efeitos em crianças e adolescentes não existem, mas segundo jornalistas que estudaram 4 anos sobre ninguém sabe o que são confiáveis.

  3. E o que adianta 70 milhões estarem completamente vacinados se a dose de “reforço” para a Astrazeneca e a Pfizer está sendo a Coronavac? Esse país está uma baderna. Ou tiram o presidente ou tiram o STF, de preferência o STF, porque já ultrapassou TODOS OS limites.

    1. Muito bom artigo,pois é óbvio que abaixo de 18 anos não tem necessidade de ser vacinado,portanto a porcentagem tem que ser feita apenas sobre as pessoas acima de 18.

  4. E uma pena a Oeste escolher um jornalista(?) que se expõe divulgando dados estatísticos torturados pela meia verdade. A estatística é realmente a arte de torturar os números até que eles confessem. O número é um só e simples de ser apurado: apena 34,08% da população está imunizada um ano e meio após o início da pandemia. Vamos lembrar que o Ministro da Saúde disse alto e em bom tom que 100% da população estaria estaria vacinada, mas apenas a população acima de 18 anos, o que significa que 69 milhões de brasileiros não terão tomado ainda nem a primeira dose. A Oeste vem procurando garimpar notícias espremidas pela realidade com as quais tenta apoiar as ações do Governo. O fato é que rejeitamos dezenas de tentativas da PIFZER negociando com Reverendos, Cabos da PM e Empresas fantasmas. FATOS NUNCA AQUI NOTICIADOS. É uma pena a Oeste se prestar a este desserviço.

    1. O que tem a ver a data do início da pandemia, quando não havia vacina alguma, com o início da vacinação, efetivamente já em fevereiro deste corrente ano? Você ainda é um daqueles que acreditam que a Pfizer negociou com vigaristas e ou estelionatários? A diferença entre um inocente, um sem noção e ou um tolo é quase nenhuma, vai me desculpar. Você é um daqueles que acreditam nessa CPI do Circo? Tome vergonha, rapaz!

    2. Seria bom colocar no seu texto que o Brasil HOJE está na frente de EUA, Alemanha e Japão (dentre muitos outros)
      , em termos de vacinação, sendo que a Pfizer é americana, se não me falha a memória.

  5. Estamos falando de brasileiros imunizados ou vacinados?
    A seita da vacina impõe suas verdades absolutas em meio a incertezas monstruosas, enquanto a ditadura do #fiqueemcasa afirma que a vacina não garante coisa alguma.
    O detalhe é que se trata das mesmas pessoas que não se dão conta de que caem em contradição a cada dez minutos.
    Nem todo vacinado será imunizado e há imunizados que jamais foram vacinados: os infectados.
    Imunizado é muito diferente de vacinado.

  6. A informação do MS é falsa. Nenhum brasileiro está imunizado porque as vacinas disponíveis não imunizam ninguém contra a covid.
    As vacinas que temos são sensibilizantes, e não imunizantes.
    Observemos, por exemplo, Portugal e Israel, que têm quase 90% de sua população vacinada e apresentam uma média de novos casos de covid superior à do Brasil. fonte: worldometer.com

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro