Ministério da Saúde cita risco de parar vacinação e pede ajuda à China

Ofício encaminhado à embaixada chinesa no Brasil solicita 30 milhões de doses do imunizante da Sinopharm
-Publicidade-
Governo brasileiro admite possibilidade de a vacinação ser interrompida por falta de doses
Governo brasileiro admite possibilidade de a vacinação ser interrompida por falta de doses | Foto: Divulgação

Em ofício encaminhado à Embaixada da China no Brasil na segunda-feira 8, o Ministério da Saúde pediu ajuda do governo chinês para a compra de 30 milhões de doses da vacina contra a covid-19 produzida pela farmacêutica Sinopharm. A pasta citou, inclusive, o risco de a campanha de vacinação ser interrompida no país por falta de doses disponíveis.

“A principal estratégia brasileira para conter a pandemia e, em particular, essa variante P.1 é intensificar a vacinação. Até a presente data, já foram vacinados mais de 9 milhões de pessoas. A campanha nacional de imunização, contudo, corre risco de ser interrompida por falta de doses, dada a escassez da oferta internacional. Por conta disso, o Ministério da Saúde vem buscando estabelecer contato com novos fornecedores, em especial a Sinopharm, cuja vacina é de comprovada eficácia contra a covid-19″, diz a nota assinada pelo secretário-executivo do ministério, Elcio Franco. O documento foi obtido pela TV Globo. A nota se endereça ao embaixador da China no Brasil, Yang Wanming.

“O Ministério da Saúde está ciente da importância de conter essa cepa e de impedir que se espalhe pelo mundo, recrudescendo a pandemia”, prossegue o texto.

-Publicidade-

Na carta, Franco ainda diz que o ideal seria a entrega das vacinas ainda no primeiro semestre deste ano, dada a gravidade da pandemia no Brasil neste momento. Ele também sinaliza o interesse do governo brasileiro em adquirir mais doses até o fim do ano.

Leia também: “Vacina da Pfizer neutraliza variante brasileira do coronavírus”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

3 comentários

  1. Uau! Isso irá realmente comover o embaixador da China. Ele vai pedir só para garantir a 5G para a Huawei, afastar uns 2 ou 3 políticos incômodos e assinar um aditivo para o envio dos insumos…. Sério, em que arapuca fomos nos meter!

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro