Ministros de Bolsonaro sobrevoam regiões afetadas pelas chuvas na Bahia

Subiu para 470 mil o número de pessoas afetadas no Estado; 100 municípios decretaram situação de emergência
-Publicidade-
Centro de Canoagem na cidade de Ubaitaba, atingido pela enchente
Centro de Canoagem na cidade de Ubaitaba, atingido pela enchente | Foto: divulgação/Prefeitura de Ubaitaba

Uma equipe do governo federal vai sobrevoar as regiões afetadas pelas fortes chuvas que atingiram a Bahia nos últimos dias.

Os ministros Marcelo Queiroga (Saúde), Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional) e João Roma (Cidadania) fazem parte da equipe.

O sobrevoo vai começar às 9h40, em Ilhéus, onde foi montada uma base de apoio para as operações de ajuda ao Estado.

-Publicidade-

Está prevista uma entrevista em que serão anunciadas medidas do governo federal para auxiliar os municípios atingidos.

A União repassou R$ 20 milhões para ajudar as cidades destruídas pela força das águas na Bahia.

Segundo o ministro João Roma, que está na região, equipes da Defesa Civil, da Assistência Social e da Saúde atuam nas áreas atingidas.

470 mil afetados

Subiu para 470 mil o número de pessoas afetadas pelas fortes chuvas que atingiram o sudoeste, sul e extremo sul da Bahia.

Em todo o Estado, já são cerca de 31 mil desabrigados e mais de 30 mil desalojados, de acordo com dados enviados pelas prefeituras e divulgados na tarde de segunda-feira 27 pela Superintendência de Proteção e Defesa Civil.

O total de municípios afetados chega a 116, sendo que 100 deles já decretaram situação de emergência. Ainda segundo o governo do Estado, foram registrados 358 feridos. Morreram 20 pessoas.

Ações do Estado

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), anunciou na noite de ontem novas ações que complementam as medidas já adotadas para dar assistência às vítimas das chuvas no Estado.

Entre as providências, está um auxílio financeiro para as famílias atingidas. O benefício vai ser executado dentro do programa Estado Solidário, iniciativa que contempla medidas feitas para apoiar a população durante a pandemia de covid-19 desde março deste ano. O valor a ser repassado ainda será definido e divulgado.

Também foi anunciada a extensão da Tarifa Social paga à Empresa de Águas e Saneamento da Bahia para todos os municípios que decretaram situação de emergência.

Já a Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia se comprometeu a doar mais de mil geladeiras, além das 500 já oferecidas anteriormente.

Além disso, segundo o governo, começam a ser entregues ainda nesta semana as geladeiras adquiridas pela Superintendência de Proteção e Defesa Civil do Estado.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

5 comentários Ver comentários

  1. Onde está a enchente nesse vídeo? O que vejo ali é o rio um pouco cheio e que nem ultrapassou as barrancas. Mostrem outro vídeo, que esse daí não convenceu.

  2. Impressionante a quantidade de jornalistas esquerdistas que a Jovem Pan tem. Já está dominada, como foi dominada a CNN Brasil. Quando a CNN Brasil foi inaugurada no Brasil ainda tinha uns 2 ou 3 jornalistas conservadores. Hoje foram expulsos. Na Jovem Pan acontecerá o mesmo. Se sou Ana Paula, Augusto Nunes, Fiuza, Zoe, Constantino, Tirlay e Caio Coppolla me mando o mais rápido possível.

  3. Estado Solidário… pois sim. Esse negócio de distribuir dinheiro me soa muito mal. O que menos as pessoas precisam neste momento é de dinheiro. Mas, enfim…

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.