PF desarticula quadrilha especializada em defensivos agrícolas ilegais

Investigação mostrou que organização criminosa atuava no país, pelo menos, desde 2015
-Publicidade-
Mandados de busca, apreensão e prisão foram cumpridos em seis cidades do Paraná e em um município de Mato Grosso do Sul | Foto: Divulgação/PF
Mandados de busca, apreensão e prisão foram cumpridos em seis cidades do Paraná e em um município de Mato Grosso do Sul | Foto: Divulgação/PF

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira, 31, a Operação Ruta Negra, para desarticular uma organização criminosa estabelecida no Paraná. O bando é especializado na importação, comercialização e no transporte ilegal de defensivos agrícolas (usados para combater e controlar pragas e doenças nas lavouras). Na ação, os policiais cumpriram mandados de busca e apreensão, prisão preventiva e temporária, em seis cidades do Estado e em Lucas do Rio Verde, em Mato Grosso do Sul.

Leia mais: “Polícia Federal assume investigação sobre ataques em Araçatuba”

As investigações revelaram que a organização criminosa atuava, pelo menos, desde 2015 e foi responsável pela importação clandestina de dezenas de toneladas de defensivos agrícolas sem registro nos órgãos competentes. Em média, 1 tonelada dos defensivos agrícolas mais comercializados pelo bando tem valor aproximado de R$ 2 milhões.

-Publicidade-

Leia também: “PF apreende R$ 500 mil na bagagem de passageiro que embarcava em Congonhas”

 

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro