PF faz operação contra tráfico de influência e corrupção na OAB-SP

Quadrilha supostamente pedia vantagens financeiras para encerrar processos disciplinares em colegiado da entidade
-Publicidade-
A investigação teve início em setembro de 2020
A investigação teve início em setembro de 2020 | Foto: Reprodução/Mídias Sociais

A Polícia Federal (PF) iniciou nesta segunda-feira, 16, a Operação Ateliê, com a finalidade de apurar crimes de corrupção, tráfico de influência, advocacia administrativa e associação criminosa no Conselho Seccional da Ordem dos Advogados do Brasil de São Paulo (OAB-SP). Agentes cumprem seis mandados de busca e apreensão nas cidades de São Paulo, Santana de Parnaíba (Grande São Paulo) e Jundiaí (interior paulista).

O ato de hoje é um desdobramento da Operação Biltre, feita em 17 de novembro de 2020 também na OAB-SP, conforme noticiou a Revista Oeste. A investigação teve início em setembro de 2020, depois do recebimento da denúncia de um advogado, informando ter sido vítima de um grupo composto de um empresário e dois advogados, sendo um deles, à época, membro do Conselho Seccional da OAB-SP.

Membros da quadrilha teriam solicitado contrapartida financeira para atuar junto ao Tribunal de Ética e Disciplina da OAB-SP e encerrar processos disciplinares em tramitação naquele tribunal, bem como retirá-los de pauta.

-Publicidade-

Leia também: “A operação que mostrou que todos são iguais perante a lei”, reportagem publicada na Edição 21 da Revista Oeste

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

4 comentários

  1. O simples fato da OAB ignorar a origem dos honorários pagos para quem defende políticos corruptos já diz muito sobre a índole deles. Essa instituição é uma vergonha para todos os operadores do Direito com mais que 3 neurônios.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro