Rio de Janeiro: bares e restaurantes voltam a receber clientes

Antes, estes estabelecimentos podiam vender comida e bebida por meio de entrega ou a quem fosse buscar, mas sem que o cliente pudesse consumir no local
-Publicidade-
Praia de Copacabana | Foto: Reprodução/Internet
Praia de Copacabana | Foto: Reprodução/Internet

Antes, estes estabelecimentos podiam vender comida e bebida por meio de entrega ou a quem fosse buscar, mas sem que o cliente pudesse consumir no local

Praia de Copacabana | Foto: Reprodução/Internet

Os bares e restaurantes do Rio de Janeiro reabriram nesta quinta-feira, 2, e já começaram a receber clientes. Seguem proibidos bufês de self-service e música ao vivo.

-Publicidade-

Os estabelecimentos precisam encerrar o expediente até as 23h, só podem receber metade da capacidade de público e a distância entre as mesas precisa ser de pelo menos dois metros.

LEIA MAIS: Região de Santos questiona índices que impedem ampliação da reabertura

“Espero que a situação volte logo ao normal, porque só com a entrega não estava dando pra ter lucro quase nenhum”, afirmou Manoel Botelho, sócio de um restaurante em Copacabana.

Embora seja necessária autorização específica para distribuir mesas e cadeiras pelas calçadas, em pelo menos cinco restaurantes quase vizinhos, em Copacabana, essa estratégia foi adotada.

Além da nova regra para bares e restaurantes, também entraram em vigor autorizações para a reabertura de quiosques nas praias, para a prática de exercícios na areia e para que salões de beleza ofereçam depilação e serviços de tintura nos cabelos.

Salões de tatuagem também podem reabrir.

Com informações do Estadão Conteúdo.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.