STJD derruba liminar que permitia torcedores em jogos do Flamengo

Clubes da Série A do Campeonato Brasileiro ameaçavam boicotar rodada do fim de semana e não entrar em campo
-Publicidade-
Torcedores do Flamengo foram ao Maracanã para jogo contra o Grêmio pela Copa do Brasil
Torcedores do Flamengo foram ao Maracanã para jogo contra o Grêmio pela Copa do Brasil | Foto: Reprodução/Twitter

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) derrubou na madrugada desta quinta-feira, 16, a liminar que permitia a presença de público em partidas do Flamengo no Campeonato Brasileiro.

A decisão foi tomada pelo vice-presidente do tribunal, Felipe Bevilacqua. Ele suspendeu os efeitos da liminar obtida pelo clube carioca até a próxima reunião do conselho técnico dos clubes da Série A do Brasileirão, no dia 28 de setembro. A informação foi publicada inicialmente pela ESPN e pelo UOL.

Leia mais: “Prefeitura de Goiânia autoriza volta de público aos estádios”

-Publicidade-

A decisão do STJD atende a uma reivindicação de pelo menos 17 clubes da Série A, que vinham ameaçando não entrar em campo e boicotar a rodada deste fim de semana do Brasileirão em protesto contra o que consideravam favorecimento ao Flamengo. Em sua decisão, Bevilacqua alertou para o risco de paralisação do campeonato.

Leia mais: “CBF e 19 dos 20 clubes da Série A decidem manter Brasileirão sem público”

Como noticiamos na semana passada, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e a grande maioria dos clubes da Série A decidiram manter o veto à presença de público nos estádios pelo menos até a próxima reunião do conselho técnico. A ideia é que a torcida seja liberada, mas de forma única, válida para todas as equipes simultaneamente, e seguindo protocolos de segurança sanitária.

Leia também: “Belo Horizonte oficializa volta de público aos estádios”

A prefeitura do Rio de Janeiro liberou a presença de público em jogos no Maracanã, de forma gradual e inicialmente em um período de testes. O Flamengo foi o primeiro beneficiado: ontem, o time carioca enfrentou o Grêmio, pelas quartas de final da Copa do Brasil, com permissão para a entrada de 25 mil torcedores.

Reportagem especial: “Com protocolos e dúvidas, futebol brasileiro prepara volta do público aos estádios”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

3 comentários Ver comentários

  1. A maioria dos times não querem público para não piorar mais a situação .
    Porque os poucos torcedores( clubes mal na tabela) que vão assistir alguns jogos vão vaiar e exigir trocas de jogadores e técnicos . É melhor o torcedor ficar em casa e reclamar só nas redes sociais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.