Surto de covid-19 atinge a Globo

Sindicato cobra trabalho remoto e isolamento dos colaboradores com sintomas da doença
-Publicidade-
Donos da Globo foram delatados pelo "doleiro dos doleiros" Dario Messer, mas eles negam acusações | Foto: REPRODUÇÃO/GLOBO
Donos da Globo foram delatados pelo "doleiro dos doleiros" Dario Messer, mas eles negam acusações | Foto: REPRODUÇÃO/GLOBO | Foto: Reprodução/Globo

Um surto de covid-19 atingiu a Rede Globo. Na sexta-feira 7, uma nota do Sindicato de Jornalistas do Estado de São Paulo (SJSP) cobrou medidas para conter a disseminação interna do coronavírus na emissora.

“Foram relatadas dezenas de casos de covid-19 na empresa nos últimos dias”, afirma o SJSP em nota. “O sindicato reivindica que a emissora teste de maneira imediata todas as pessoas que tiveram contato com profissionais infectados nos últimos dias, além de garantir o home office para aqueles jornalistas com sintomas e que ainda não realizaram a testagem.”

O texto também cobra que os funcionários da Globo afetados pelo surto de covid-19 “tenham a garantia do necessário repouso, com a licença laboral”.

-Publicidade-

O órgão ainda solicita à “Globo que adote o home office para a maior parte dos profissionais” que não necessitem trabalhar presencialmente. O pedido ocorre em razão da “variante Ômicron e da alta dos casos de influenza H3N2″. Além disso, a carta reivindica “o imediato isolamento daqueles que apresentem sintomas relacionados a doenças respiratórias”.

De acordo com números do Grupo Globo divulgados no domingo 9, “a média móvel de casos [de covid-19] nos últimos sete dias foi a 33.146 — a maior registrada desde 23 de setembro do ano passado“.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

9 comentários Ver comentários

  1. Eles “o Deepstate PMDB + PT + TSE etc” já estão tentando implacar eleições fantasmas igual a de 2020 onde Colocaram Boulos como 2 lugar, pois o TSE sumiu com votos de prefeitos e veradores a favor da liberdade, inclusive baniram da politica quem fala em fraude, mantiveram todos os que já estavam em seus cargos.

  2. Gostaria de saber se a Globo exige passaporte da vacina para seus funcionários? Ou se todos já receberam, no mínimo a segunda dose. Se morrer alguém com a Omicron eles vão fazer uma estatística específica para a nova variante e qual a marca da vacina que seus funcionários utilizaram?

  3. São só duas possibilidades: Ou o tal surto se de fato acontece ou aconteceu, demonstra que essa emissora que tanto defendeu as medidas draconianas e encheu o saco de tanto cobrar as tais vacinas, vê agora o fracasso dessas medidas, muito em consonância com o fracasso da emissora.
    – Ou está arrumando mais uma situação de falsa pandemia para conseguir um novo lockdown e com isso arrumar um público cativo e sem outras opções para as porcarias que ela deve transmitir e conseguir um pouco mais de audiência. Tudo isso é possível.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.