-Publicidade-

Campos Neto é eleito ‘banqueiro central de 2020’

Melhora na projeção feita pelo FMI para desempenho econômico brasileiro foi citada na premiação
O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto
O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O presidente do Banco Central (BC) do Brasil, Roberto Campos Neto, foi eleito pela revista britânica The Banker como o “banqueiro central” de 2020. A premiação é destinada aos servidores que melhor conseguiram estimular o crescimento e estabilizar a economia do seu país.

Leia também: “Pronampe: 3ª fase terá mais R$ 10 bilhões”

De acordo com a publicação, que pertence ao mesmo grupo do jornal Financial Times, a melhora na projeção feita pelo Fundo Monetário Internacional para a economia brasileira durante a pandemia em muito se deve à atuação da instituição dirigida por Campos Neto.

“A previsão do Fundo Monetário Internacional passou de 9,1% para 5,8%, enquanto alguns analistas acreditam que a contração será inferior a 4,5%”, destacou. “Muito desse cenário mais promissor se deve ao trabalho do Banco Central do Brasil.”

Segundo o banqueiro brasileiro, as novas operações de crédito da entidade para as empresas somaram US$ 230 bilhões entre março e novembro — sendo que US$ 97 bilhões desse montante foram destinados às pequenas e médias e microempresas. O BC estima o crescimento de 3,5% do Produto Interno Bruto do Brasil em 2021.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comentários

  1. Fala baixinho se não a a esquerda vai entrar em desespero mais do que está kkkkkkkkkkkkkkkk. No Brasil ter sucesso incomoda o incompetentes ,que são muitos, e não admitem.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês