Compra de ações da BRF pela Marfrig recebe aval do Cade

Superintendência-Geral do Conselho emitiu parecer sem restrições
-Publicidade-
Na tramitação do caso no Cade, os maiores questionamentos foram sobre o mercado de hambúrguer e possível redução da concorrência | Foto: Divulgação/Marfrig
Na tramitação do caso no Cade, os maiores questionamentos foram sobre o mercado de hambúrguer e possível redução da concorrência | Foto: Divulgação/Marfrig

A Superintendência-Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) emitiu nesta quinta-feira, 23, parecer favorável à aquisição de ações da BRF — maior produtora de carne de frango do Brasil e dona da Sadia — pela Marfrig — líder global na produção de hambúrgueres e uma das maiores produtoras de carne bovina.

Leia mais: “Marfrig vai investir R$ 100 milhões no Paraguai”

A avaliação, sem restrições, acontece quatro meses após a Marfrig comprar 31,66% das ações da BRF no mercado, ação que ocorreu entre maio e junho deste ano. Na época, a empresa declarou que pretende ser um investidor passivo, sem influência nas atividades da BRF.

-Publicidade-

Leia também: “Marfrig e Minerva voltam a exportar carne bovina na Argentina”

O parecer do superintendente-geral interino do Cade, Diogo Thomson de Andrade, ainda será publicado no Diário Oficial da União. E, caso os demais conselheiros julguem necessário, poderá ser analisado em plenário.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.