Cooperativas alcançam bancos em número de agências

Sistema faz com que associados sejam ao mesmo tempo donos e usuários da instituição
-Publicidade-
Agência do Sicoob Credisul | Foto: Reprodução
Agência do Sicoob Credisul | Foto: Reprodução

As cooperativas de crédito estão ampliando suas atividades e alcançaram os bancos tradicionais em número de agências físicas. O principal objetivo com a expansão é aumentar a capilaridade do modelo e manter a proximidade com o cliente.

Por outro lado, os maiores bancos do país apostaram na ampliação do atendimento digital e fecharam agências, movimento que já vinha ocorrendo nos últimos anos, mas que foi acelerado pela pandemia.

Leia mais: “Ponte inaugurada por Bolsonaro diminui de 3 horas para 1 minuto acesso do Acre ao restante do país”

-Publicidade-

Levantamento do jornal Folha de S.Paulo mostra que o maior sistema, o Sicoob, tem 3.523 pontos de atendimento presencial espalhados pelo país, atrás apenas do Banco do Brasil, com 4.161. O Sicredi, segundo maior sistema cooperativo, aparece em sexto lugar, com 2.033 agências, logo depois do Santander, com 2.694.

“As cooperativas, que também têm dado forte ênfase ao atendimento remoto, contudo, ainda vislumbram oportunidades para novos pontos físicos, sobretudo em regiões metropolitanas, onde a sua rede encontra-se bem aquém da dos bancos”, diz o diretor de Coordenação Sistêmica e Relações Institucionais do Sicoob, Ênio Meinen.

A cooperativa de crédito é uma instituição financeira formada pela união de pessoas para prestar serviços financeiros aos seus associados. No sistema, os associados são ao mesmo tempo donos e usuários da instituição, com participação na gestão e com usufruto de seus produtos e serviços.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.