Fiesp sob nova direção: saiba quem é o substituto de Skaf

Empresário é filho do vice-presidente de Lula nas duas gestões do petista
-Publicidade-
Filho de vice-presidente de Lula assume a federação
Filho de vice-presidente de Lula assume a federação | Foto: Divulgação/Fiesp

O empresário Josué Gomes da Silva foi eleito presidente da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), conforme noticiou a Revista Oeste. CEO da Coteminas, que atua no setor têxtil, Josué é filho de José Alencar, vice-presidente nas duas gestões de Luiz Inácio Lula da Silva (PT), de 2003 a 2010, e que morreu devido a um câncer em 2011.

A Coteminas detém marcas como Artex e Santista. Hoje, é a maior indústria de itens de cama, mesa e banho nas Américas. Tem 15 fábricas no Brasil, cinco nos Estados Unidos, uma na Argentina e uma no México. Nascido em Minas Gerais, Josué vive em São Paulo há 35 anos. Presidiu Associação Brasileira da Indústria Têxtil e Confecção, na qual tem atualmente a posição de presidente honorário. Também foi presidente do Instituto de Estudos para o Desenvolvimento Industrial.

Aliança

-Publicidade-

A candidatura de Josué foi apoiada por Paulo Skaf. “Sucedê-lo  já é um desafio enorme, especialmente nesse momento em que a indústria de transformação apresentou PIB inferior ao da agropecuária”, disse Josué, em entrevista coletiva. Já no Ciesp, que por anos foi gerido também por Skaf, terá agora como presidente, Rafael Cervone e Josué será vice-presidente.

Leia também: “João Santana: é imprescindível separar Estado e economia”, entrevista publicada na Edição 67 da Revista Oeste

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

6 comentários

  1. tem uma historia mal contada e fornecimento de uniformes para as forcas armadas, que eles compraram na China em vez de produzir aqui e levantaram uma bela grana , no tempo do nove dedos na presidência

  2. Petista sendo o comandante da indústria de SP, lamentável, vão continuar atrás da agropecuária pois sabem trabalhar no velho esquema: em cima do Estado. Falta competência para os industriais brasileiros que são viciados no Estado.

  3. Só de ter sido vice-presidente do Lesa-Pátria da Silva por 8 anos já depõe contra ele. O elo não foi rompido. Será que é tão difícil encontrar em São Paulo um empresário conservador e de direita, alinhado com o governo Federal ?

  4. Imagino que os industriais de SP sejam inteligentes e o tenham escolhido por suas qualidades de lider. Porque se for vaca-de-presépio igual ao pai, que passou oito anos só “enfeitando a penteadeira” do Lula, falando que tinha que baixar os juros sem que ninguém lhe desse atenção, a indústria de SP vai acabar igual a Editora Abril, Rede Globo e outras em situação desesperadora.

  5. Infelizmente é mais um Órgão controlado por políticos; aliás qualquer associação nesse País tem dedo politico de controle e poder ou de oportunismo mesmo. Cabem aos novos empresários que não estejam macunados com idéias progressistas radicais derrubarem isso e o Governo Federal parar de colocar grana nas crias ( Sistema S ) desses Órgãos…

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site