Francesa GreenYellow vai investir R$ 350 milhões em mobilidade elétrica no Brasil

A companhia atua em oito países nos segmentos de energia solar, comercialização, gestão de energia e eficiência energética
-Publicidade-
Carro elétrico
Carro elétrico | Carro elétrico

Subsidiária do grupo de varejo francês Casino, a francesa GreenYellow projeta investir R$ 350 milhões no Brasil em 2022 nas áreas de mobilidade elétrica, armazenamento de energia e serviços digitais.

O presidente da GreenYellow no Brasil é Roberto Zerkowsky, ex-executivo da Amazon na Alemanha. Segundo Zerkowsky, o objetivo da companhia nesses segmentos é complementar a atuação nas áreas de eficiência energética e geração solar distribuída, nas quais atua no mercado brasileiro desde 2013. Ele vê potencial de prestar serviços, por exemplo, para empresas que desejam eletrificar as frotas, como companhias de logística. Em janeiro, a GreenYellow fechou uma parceria local com a NewCharge, companhia brasileira de engenharia e desenvolvimento de armazenamento de energia elétrica. A intenção, diz o CEO, é ampliar a frota de carregadores no Brasil.

Segundo Zerkowsky, a estratégia de crescimento pode envolver aquisições de projetos e o desenvolvimento de usinas próprias. Em novembro, a GreenYellow anunciou a compra de participação de 90% em cinco usinas solares de geração distribuída da FazSol, próximo a Brasília (DF).

-Publicidade-

Em 2021, a GreenYellow faturou R$ 304 milhões no Brasil, alta de 83% na comparação com o ano anterior. A companhia atua em oito países nos segmentos de energia solar, comercialização, gestão de energia e eficiência energética.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.