Guedes sobre a França: ‘Vocês estão ficando irrelevantes para nós’

Ministro da Economia falou durante encontro do setor de bares e restaurantes em Brasília
-Publicidade-
Paulo Guedes, ministro da Economia | Foto: Isac Nóbrega/Presidência da República
Paulo Guedes, ministro da Economia | Foto: Isac Nóbrega/Presidência da República

Na noite de terça-feira 9, o ministro da Economia, Paulo Guedes, participou de um evento da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes, em Brasília.

Ao comentar uma conversa que teve com um ministro francês, Guedes disse que foi acusado de queimar a Amazônia. “Uma vez um ministro da França falou: ‘Você está queimando a floresta’. Eu falei: ‘E você está queimando Notre Dame’. Que acusação idiota! Você não está queimando Notre Dame, mas é um quarteirão que você não conseguiu impedir de pegar fogo. Agora, nós temos uma área que é maior que a Europa e vocês ficam criticando a gente”, disse.

No evento, o ministro também comentou as relações de comércio exterior brasileiras e disse que a França está ficando “irrelevante” para o Brasil. “Nosso comércio com vocês [França] era de US$ 2 bilhões no início do século, ano 2000. Com a China foram US$ 2 bilhões também. Hoje, nós comercializamos com vocês US$ 7 bilhões. E comercializamos com a China US$ 120 bilhões”, disse Guedes. “Vocês estão ficando irrelevantes para nós. É melhor vocês nos tratarem bem, senão vamos ligar o f***** pra vocês e vamos embora pro outro lado.”

-Publicidade-

Assista ao vídeo:

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

18 comentários Ver comentários

  1. Parabéns sr. Paulo Guedes, além de inteligente, é competente para o cargo, tem culhões roxos, esses franceses, juntos com alemães, mais alguns da Europa Ocidental, espezinharam nosso PR em relação a Amazônia (que é nossa, de mais ninguém), agora vão ter que nos engolir.

  2. Mais um motivo para aplaudir Guedes. A França sempre foi irrelevante para nós. Nós sim eramos relevantes para a França, quando ela vinha roubar Pau Brasil e outras riquezas.

  3. O politicamente correto está acabando com a Europa, e tornando irrelevante, está sendo engolida pelos países periféricos, que não adotaram o politicamente correto.

  4. PARABENS!! ATE que enfim alguem para colocar esses vermes franceses na sua cadeirinha de circo…povo esnobe que “SE ACHAM”., pois tem paga pau pra esses hipocritas

  5. Boa, Paulão! Tem mesmo que encostar esses irrelevantes na parede e mandá-los sifú. Só Bangladesh que é um país miserável, situado no delta do rio Ganges, tem um comércio conosco, superior ao todos os países do Leste Europeu juntos, excluíndo aí a Rússia. Então devemos estudar muito bem com quem devemos ter parcerias comerciais. Com certeza que com a Europa que não é, muito menos com a França.

  6. PARABENS PAULO GUEDES, ESSES IDIOTAS SEMPRE OLHARAM COM DESPREZO PARA NOSSO QUERIDO BRASIL, AGORA COM VC NA ECONOMIA, ELES TERÃO QUE NOS RESPEITAR.

  7. Esse declaração do Ministro Paulo Guedes, deixa nós brasileiros com nossos orgulhos inflados. Brasil sempre foi tratado por toda a Europa com desdém e com ar de superioridade com nosso povo, não somos mais País do terceiro Mundo em que eles faziam daqui a casa da mãe Joana, chega! daqui para frente a conversa conosco será de olho no olho.

  8. O Diogo Shelby da Jovem Pan criticou a fala do Guedes, mas, eu concordo plenamente que não devemos baixar a cabeça para posturas de alguns governantes e assistentes.

  9. Metade deve ser muambas da Leroy e da Telhanorte. Seria uma boa ideia boicotar essas empresas e incluir também Danone, Schneider, Saint Gobain/ Quartzolit, Renaut e Lactalis entre outras. Adios Lacron !

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.