Heineken é criticada por campanha ‘A noite pertence aos vacinados’

Empresa de bebidas defendeu-se de acusações
-Publicidade-
Foto: Shutterstock
Foto: Shutterstock

A Heineken exibiu um comercial que mostra idosos dançando em uma boate e correndo para dar um mergulho em uma praia próxima. Veiculada na quinta-feira 8, a peça termina com a mensagem: “A noite pertence aos vacinados. É hora de se juntar a eles”.

No dia seguinte, usuários do Twitter levantaram a hashtag #BoycottHeineken (#BoicoteHeineken), com críticas ao que consideraram apologia da compulsoriedade da imunização contra a covid-19, e menções aos efeitos colaterais dos produtos.

Em nota, a empresa se defendeu de acusações. Um porta-voz disse: “O anúncio serve para apoiar a indústria do turismo e a volta aos bares e restaurantes com segurança, para que possamos estar todos juntos novamente”.

-Publicidade-

Leia também: “Burger King recebe críticas por expor crianças falando sobre orientação sexual”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

9 comentários

  1. Heineken é maior concorrente da Ambev do Paulo Lemann amiguinho dos donos das bigtechs. Porque não patrocinaram boicote a Burguer King (que do amiguinho Paulo lemann também) em função do comercial envolvendo crianças em apologia a destruição de valores familiares.

  2. E pensar que a Heineken era conhecida por sua propaganda de qualidade…. Hoje só produz lacração. O mundo tá perdido mesmo quando até uma marca de cerveja quer ditar regras para a vida.

  3. O capital sujo do globalismo está rolando solto no mercado da publicidade, a ponto de o lucro ocupar lugar secundário na equação.
    Entendo todo esse movimento como desespero pelo avanço da pauta conservadora no mundo, a grande inimiga do metacapitalismo e do metassocialismo.
    A internet trouxe a voz dos excluídos pro baile. E não tem mais volta.

    1. Uma empresa querida como a Heineken não pode ter uma equipe de marketing que fica tomando partido em questões que deve ficar de fora.. Essa equipe tem dado muito tiro no pé, já passou da hora de ser trocada!
      Uma dica: contratem a dupla do canal PapodeBEER no YouTube, eles sempre enaltecem a Heineken e nos fazem querer tomar uma verdinha…

  4. É preciso que reajamos à ditadura das minorias e das delicadinhas que se melindram por qualquer coisa. Já passaram dos limites há muito tempo.

  5. Ao me lembrar dos canalhas da esquerda, qdo vejo gente tomando Heineken com garrafas escudando estrelas vermelhas até no gargalo, sinto que ainda estamos numa “gelada”.

  6. Achei uma propaganda equilibrada que não enaltece a obrigatoriedade da vacina e sim que seria melhor tomarmos se quisermos nos expor.Já estamos ha algum tempo tomando vacinas e os resultados são animadores.O que a Heineken propõe é que possamos nos divertir sem mêdo, a empresa não é um governo e não obriga ningue a nada.
    Cada um que faça aquilo que achar melhor para sua vida.A Heineken nos convida a tentarmos voltar a uma vida “normal” dentro dos parâmetros da atual realidade.Não vi nada demais nisso, apenas que trataram o tema com suavidade e respeito.Não tomava Heineken mas agora faço questão de tomar e fazer um brinde a vida.Parabéns Heineken.

  7. A HEINEKEN JÁ HAVIA METIDO OS PÉS PELAS MÃOS COM O AGRONEGOCIO, COMPELINDO O CONSUMIDOR A TER UMA SEGUNDA FEIRA SEM CARNE….COM ISSO PERDEU MILHARES DE CONSUMIDORES QUE DECIDIRAM TER UMA SEMANA SEM HEINEKEN…. ESTÃO DEMORANDO PARA DEMITIR ESSES GENIOS DO MARKETING

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site