Mercado Livre vai investir R$ 4 bilhões em SP

Parceria com o governo estadual prevê geração de 5 mil empregos até o final de 2021
-Publicidade-
Mercado Livre: investimentos de R$ 4 bi e geração de 5 mil empregos em São Paulo
Mercado Livre: investimentos de R$ 4 bi e geração de 5 mil empregos em São Paulo | Foto: Divulgação/Governo do Estado de São Paulo

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou nesta segunda-feira, 17, uma parceria com a plataforma de e-commerce Mercado Livre, para profissionalização e geração de empregos. A companhia havia anunciado, no começo do ano, um investimento de R$ 10 bilhões no país, e agora foi revelado que o Estado receberá R$ 4 bilhões desse valor. É a mesma quantia investida pela empresa em todo o Brasil no ano passado.

Serão 5 mil empregos no Estado de São Paulo até o fim de 2021, sendo: 4,1 mil vagas em logística, 450 vagas em times de tecnologia da empresa e 450 vagas em outras áreas. De acordo com Fernando Yunes, vice-presidente sênior do Mercado Livre no Brasil:  “85% dos nossos vendedores estão em São Paulo. Por isso, o investimento em logística aqui faz sentido. Das 7.200 vagas que vamos abrir neste ano no Brasil, 5 mil serão em São Paulo. No próximo ano, o investimento deve ser ainda maior. Vemos um potencial enorme de crescimento no e-commerce”.

Qualificação de profissionais e microcrédito

-Publicidade-

A iniciativa busca a qualificação profissional de empreendedores e também de estudantes, em Cajamar, Osasco, Sorocaba e Louveira — cidades em que o Mercado Livre possui operações, e também locais em que o Centro Paula Souza (CPS), outra parceira da iniciativa e que administra 223 escolas técnicas (Etecs) e 73 faculdades de tecnologia (Fatecs) estaduais, tem presença. O objetivo é qualificar os alunos dessas instituições para que participem de processos seletivos da companhia.

Por meio do Sebrae-SP, a parceria ainda vai oferecer um curso de empreendedorismo, que será on-line e gratuito, para 100 mil empreendedores. Ainda, o governo estadual disponibilizará microcrédito para cerca de 350 mil empreendedores, por meio do Banco do Povo. “Quanto mais empreendedores qualificados tivermos, melhor para o Mercado Livre. Teremos mais produtos para os clientes e ofertaremos mais trabalho para esses empreendedores, que poderão vender seus produtos on-line na nossa plataforma”, afirmou Yunes.

Leia também: Startup nacional movimenta R$ 600 milhões em lojas do Mercado Livre”

Com informações do site InfoMoney

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário

  1. Cuidado! A segurança do Mercado Livre é precária. Não recomendo que façam transações financeiras com eles. Se tiver devolução peçam sempre pra estornar no cartão e jamais creditar dinheiro em sua conta no Mercado Pago, braço financeiro do ML. Hackers acessam sua conta e roubam o dinheiro. Já fui vítima e há outros relatos.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro