Assembleia-Geral da ONU confirma 2º mandato de António Guterres

O ex-primeiro-ministro de Portugal está no posto desde 2017 e foi reconduzido para um período de mais cinco anos
-Publicidade-
António Guterres foi reconduzido para mais cinco anos como secretário-geral da ONU
António Guterres foi reconduzido para mais cinco anos como secretário-geral da ONU | Foto: Reprodução/Redes Sociais

A Assembleia-Geral da Organização das Nações Unidas (ONU) confirmou nesta sexta-feira, 18, um segundo mandato para o secretário-geral da entidade, o português António Guterres. Ele seguirá no posto pelos próximos cinco anos, no período entre 2022 e 2026.

“Nosso maior desafio, que é ao mesmo tempo nossa maior oportunidade, é usar essa crise para mudar o rumo para um mundo que aprenda lições, promova uma recuperação justa, verde e sustentável e mostre o caminho de uma cooperação internacional eficaz para abordar os problemas globais”, afirmou Guterres em seu primeiro pronunciamento após a recondução.

Leia mais: “Conselho de Segurança recomenda recondução de Guterres”

-Publicidade-

O ex-primeiro-ministro de Portugal foi candidato único. No início do mês, o Conselho de Segurança da ONU, composto de 15 membros, já havia manifestado apoio a novo mandato de Guterres como secretário-geral. Ele está no cargo desde 2017.

Leia também: “Brasil volta a ter assento no Conselho de Segurança da ONU”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 comentário

  1. SE ESSA pilantrONG SOCIALISTA TROUXER MAIS PROBLEMAS PARA O BRASIL, POR CAUSA DE RÍDICULOS TIRANOS DA AMÉRICA LATrINA CATÓLICA, A MISSÃO DE PAZ TERÁ QUE MUDAR PARA MISSÃO DE PAU.

    Relatório Otálvora: Castrochavismo bate na porta da Casa Branca – 19/06/2021 ——

    Servir de intermediário entre Washington e os regimes de Nicolás Maduro e Daniel Ortega faz parte da oferta que o governo argentino está apresentando à Casa Branca. —–

    https://www.defesanet.com.br/ghl/noticia/41051/Relatorio-Otalvora–Castrochavismo-bate-na-porta-da-Casa-Branca–

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site