Biden e Xi Jinping discutem importância de ‘manter a paz e a estabilidade’ entre EUA e China

Líderes estreitaram laços
-Publicidade-
Biden, ainda vice-presidente de Obama, encontra-se com Xi Jinping em 2015 | Foto: Divulgação/Departamento de Estado dos EUA
Biden, ainda vice-presidente de Obama, encontra-se com Xi Jinping em 2015 | Foto: Divulgação/Departamento de Estado dos EUA

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e o secretário-geral do Partido Comunista da China (PCC), Xi Jinping, estreitaram laços. Segundo o democrata, é preciso “gerir a competição, sem conflito,” com o país asiático. “O presidente Biden sublinhou o interesse duradouro dos Estados Unidos na paz, na estabilidade e na prosperidade”, informa nota emitida pela Casa Branca, na quinta-feira 9, depois da conversa com o líder de extrema esquerda.

Xi apoiou a ideia ao dizer que um “conflito provocaria grandes perdas” para os dois lados. “Precisamos mostrar uma visão ampla e assumir grandes responsabilidades para o bem das pessoas em ambos os países e em todo o mundo”, declarou Xi, à agência de notícias estatal Xinhua, ligada ao PCC, ao responder sobre como foi o diálogo com Biden. Entre outros pontos, os líderes conversaram sobre a pandemia de covid-19 e “mudanças climáticas”.

Leia também: “A fraqueza explícita diante dos adversários”, artigo de Ana Paula Henkel publicado na Edição 55 da Revista Oeste

-Publicidade-
Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro