Chile inicia a aplicação da 4ª dose da vacina contra a covid

No país, o imunizante contra o coronavírus foi autorizado para todas as pessoas maiores de 3 anos
-Publicidade-
O Chile já vacinou 87% da população com as duas doses da vacina
O Chile já vacinou 87% da população com as duas doses da vacina | Foto: Divulgação/Ministério da Saúde do Chile

Na segunda-feira 10, o Chile começou a aplicar a quarta dose da vacina contra a covid-19. Na primeira etapa, a imunização é destinada a pessoas imunodeprimidas maiores de 12 anos que receberam a dose anterior há mais de quatro meses.

A partir de 7 de fevereiro, a vacinação com a quarta dose começará para todos os maiores de 55 anos e, em seguida, diminuirá gradualmente a idade.

No Chile, a vacina contra o coronavírus foi autorizada para todos os maiores de 3 anos.

-Publicidade-

“Estamos iniciando a quarta dose. Por quê? Em primeiro lugar, porque as vacinas perdem eficácia com o tempo, a proteção que elas geram diminui e, em segundo lugar, porque as novas variantes também fazem as vacinas perderem força”, explicou o presidente, Sebastián Piñera.

Segundo ele, a quarta dose aumenta em 20 vezes a proteção em relação a uma pessoa que não tenha vacinação completa.

Até 6 de janeiro, segundo dados do Departamento de Estatística e Informação em Saúde, 87% da população com mais de 3 anos no Chile estava com o esquema completo.

“O número de pessoas infectadas vai aumentar, mas o mais importante é que essas infeções serão mais brandas, e, portanto, o número de pessoas que necessitam de internação provavelmente também aumentará, mas muito menos”, explicou Piñera.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários Ver comentários

  1. Isso mesmo! Vacina no braço dessa gente toda aí e a partir dos três anos. “De mamando a caducando”. Desde que não seja por aqui.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.