Coronavírus surgiu em laboratório de Wuhan, mostra estudo

Congressistas republicanos afirmam que a China atuou para esconder o surto de covid-19
-Publicidade-
Instituto de Virologia de Wuhan é o local onde provavelmente surgiu o vírus chinês
Instituto de Virologia de Wuhan é o local onde provavelmente surgiu o vírus chinês | Foto: Reprodução/Mídias sociais

Um relatório publicado por congressistas republicanos no último domingo, 1º de agosto, mostra que o novo coronavírus provavelmente surgiu de um acidente de laboratório em setembro de 2019. Segundo os membros do Comitê de Assuntos Externos da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, a China atuou para esconder o surto de covid-19.

O estudo é uma atualização do relatório sobre as origens da pandemia de coronavírus lançado pelo Partido Republicano em setembro de 2020. Nesta nova versão do documento, os congressistas concluem que o vírus surgiu de um vazamento ocorrido em laboratórios do Instituto de Virologia de Wuhan, na China, e posteriormente se disseminou.

“Enquanto continuamos a investigar as origens da pandemia de covid-19, acredito que é hora de descartar completamente o mercado de alimentos como fonte do surto”, afirmou o deputado Michael McCaul, republicano responsável pelo relatório. Até o momento, o Partido Comunista Chinês (PCC) não se pronunciou sobre o assunto.

-Publicidade-

Leia também: “Como surgiu o novo coronavírus?”, reportagem de Dagomir Marquezi publicada na Edição 43 da Revista Oeste

Telegram
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro