Maia não se sente convencido sobre o limite de endividamento para o Brasil

Presidente da Câmara diz que é preciso tomar cuidado para que o endividamento interno não inviabilize o futuro do país. Mas sinaliza posição favorável ao aumento da dívida em relação ao PIB
-Publicidade-

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), não está convencido de que existe um limite de endividamento para o país. “A única questão é cuidar para que o endividamento interno não inviabilize o futuro do país. Mas o Brasil tem a vantagem de não ter dívida externa. Agora, quanto a dívida interna pode crescer? 10%, 20% do PIB (Produto Interno Bruto)? Não tem esse limite”, declarou, em entrevista à Rádio Bandeirantes.

-Publicidade-

De fato, não há um consenso sobre o limite da dívida. Mas o próprio presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, economista que Maia elogiou por defender ações da autoridade monetária para o financiamento de empresas diante da pandemia do coronavírus, é contrário à ideia de impressão de dinheiro como solução para o combate à crise.

O economista que é contrário à impressão de dinheiro pelo BC sabe do perigo do debate acerca de um limite do endividamento. Na mais nova edição da Oeste, Ubiratan Iorio se posiciona veementemente contrário à ideia de impressão de dinheiro. Para ele, é imoral transferir para as futuras gerações os ônus de gastos financiados por moeda.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site