-Publicidade-

OMS inspeciona Instituto de Virologia de Wuhan

O laboratório foi acusado de ter sido o local do vazamento do vírus que provoca a doença que matou mais de 2 milhões de pessoas
Fachada do Instituto de Virologia de Wuhan
Fachada do Instituto de Virologia de Wuhan | Foto: Divulgação

A equipe da Organização Mundial da Saúde (OMS) que está investigando as origens do coronavírus visitou nesta quarta-feira, 3, o Instituto de Virologia de Wuhan, cidade chinesa onde os primeiros casos da covid-19 foram registrados, no fim de dezembro de 2019. O laboratório foi acusado de ter sido o local do vazamento do vírus que provoca a doença que matou mais de 2 milhões de pessoas.

O Instituto de Virologia de Wuhan abriga mais de 1,5 mil espécies de morcego e tem inúmeras pesquisas sobre o chamado “salto de espécie”, quando um vírus sai do reino animal para infectar os humanos. Em fevereiro do ano passado, foi dali que surgiu o estudo que concluiu que o Sars-CoV-2 tem uma sequência genética 96% equivalente à de um coronavírus catalogado em um tipo de morcego.

Leia também: “Como surgiu o novo coronavírus?”, artigo de Dagomir Marquezi publicado na Edição 43 da Revista Oeste

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês