Distanciamento social poderá durar um ano no Reino Unido

Consultores de saúde pública que assessoram o governo britânico recomendam alternância de períodos mais e menos rigorosos de reclusão domiciliar
-Publicidade-

Consultores de saúde pública que assessoram o governo britânico recomendam alternância de períodos mais e menos rigorosos de reclusão domiciliar

londres coronavírus
Foto: Reprodução/Wikipedia

Em um dos 34 documentos de pareceres científicos publicados pelo governo do Reino Unido nesta sexta-feira, 20, conselheiros disseram que pode ser possível relaxar periodicamente as medidas mais rigorosas — como manter as pessoas em casa e fechar as escolas — e depois retomá-las.

-Publicidade-

O conselho veio do Grupo Consultivo Científico para Emergências (Sage, na sigla em inglês), que assessora ministros na definição de políticas públicas em resposta à pandemia. Os especialistas têm influenciado notavelmente as decisões em Downing Street.

“Uma política de alternância entre períodos de medidas de distanciamento social mais e menos rigorosas pode ser plausivelmente eficaz para manter o número de casos de cuidados intensivos dentro da capacidade”, disse o Sage, conforme documento obtido pelo Financial Times. “Esses períodos precisariam estar em vigor por pelo menos um ano.”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.