Ditador da Coreia do Norte admite erros na economia

Em declaração, Kim Jong Un fala em “intenção de fazer análise profunda de experiências, lições e os erros cometidos”
-Publicidade-
O ditador da Coreia do Norte, Kim Jong Un
O ditador da Coreia do Norte, Kim Jong Un | Foto: Agência Rodong Sinmun

Kim Jong Un, ditador da Coreia do Norte, admitiu que os resultados atingidos com o plano de desenvolvimento econômico ficou muito abaixo das expetativas em “quase todas as áreas”. O dirigente declarou que tem a intenção de fazer uma análise profunda das “experiências, lições e os erros cometidos”. A declaração foi feita durante o discurso de abertura do 8º Congresso do Partido dos Trabalhadores da Coréia do Norte. A reunião da entidade não acontecia há 5 anos e esta edição do evento ocorre às vésperas da data marcada para a posse do novo presidente norte-americano, Joe Bide

Leia também: “Capitão pesqueiro norte-coreano é executado por ouvir rádio estrangeira no mar”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 comentário

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.