-Publicidade-

Imagem de Cristo que alegadamente livrou Roma da peste negra é levada ao Vaticano

A imagem do Cristo Crucificado que se encontra na igreja de San Marcello al Corso foi levada à Praça de São Pedro por ordem do Papa Francisco.
Imagem do Cristo da Igreja de San Marcello al Corso
Foto: Francesco Antonio Grana/Twitter
Imagem do Cristo da Igreja de San Marcello al Corso Foto: Francesco Antonio Grana/Twitter

A pedido do Papa Francisco, o ícone do Cristo Crucificado da igreja de San Marcello al Corso foi levada à Praça de São Pedro para a benção papal

Imagem do Cristo da Igreja de San Marcello al Corso
Foto: Francesco Antonio Grana/Twitter

A imagem do Cristo Crucificado que se encontra na igreja de San Marcello al Corso foi levada à Praça de São Pedro por ordem do Papa Francisco. A última vez que isso aconteceu sem ser nos eventos programados, foi quando a peste negra estava devastando Roma, em 1522.

De acordo com o site católico ACI, a imagem foi transportada do seu altar para o Vaticano na última quarta-feira, 25. Ela estará presente na benção Urbi et Orbi — para a Cidade e o Mundoque o Santo Padre dará aos fiéis hoje.

A escultura ficou famosa ao ser o único artefato que resistiu ao incêndio que destruiu a sua igreja em 1519. Três anos depois, o povo romano a levou em procissão pela cidade por 16 dias. Quando ela retornou para o seu altar, a praga desapareceu, de acordo com os registros da época.

No dia 16 deste mês, o Papa Francisco foi à igreja de San Marcello al Corso para rezar em frente ao ícone pelas vítimas da pandemia do coronavírus.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês