-Publicidade-

EUA prendem ex-agente da CIA acusado de trabalhar para a China

Oficial teria vendido informações sigilosas da defesa norte-americana para o Partido Comunista durante uma década
Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR
Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR | Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR

Oficial teria vendido informações sigilosas da defesa norte-americana para o Partido Comunista durante uma década

eua
Suposto espião a serviço da China é preso nos EUA | Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR

A Justiça norte-americana prendeu na sexta-feira 14 um ex-oficial da CIA suspeito de ter vendido segredos de defesa confidenciais dos Estados Unidos ao governo chinês durante uma década. O caso de suposta espionagem envolvendo Alexander Yuk Ching Ma, 67 anos, só veio à tona ontem no Havaí.

Conforme a Justiça, o homem recebeu milhares de dólares do Partido Comunista pelas informações. Cidadão americano naturalizado, ele foi detido depois de confessar a um agente do FBI disfarçado o que fez, bem como o desejo de ver “a pátria mãe” bem-sucedida em suas ações contra o Ocidente.

Leia também: “EUA X China e a grande ameaça geopolítica”, artigo de Bruno Garschagen publicado na edição n° 21 de Oeste

Alexander começou a trabalhar para a CIA em 1982, com acesso a informações de alta segurança, de acordo com investigadores. Procuradores sustentam que o ex-agente deixou a CIA em 1989. Dessa forma, viveu e trabalhou em Xangai, na China, antes de se mudar para o Havaí em 2001.

A partir daí, passou a alimentar o serviço estrangeiro de inteligência sobre funcionários, operações e métodos de ocultação de comunicações da agência norte-americana. Além disso, Alexander ainda tentou um emprego no FBI para conseguir mais dados sobre a instituição e repassar aos chineses.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

2 comentários

  1. Que os americanos vejam a traição a sua pátria e observem porque trump precisa ser reeleito. A China infiltrou espiões até em agencia de inteligência americana e trump tem liderança e peito para resolver a parada não dando tréguas a ditadura do partido comunista chinês.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês