Ex-presidente da Bolívia afirma que é presa política da esquerda

Jeanine Áñez está detida há 87 dias, acusada pelo governo de Luís Arce de tramar um golpe de Estado contra Evo Morales
-Publicidade-
A ex-presidente pede a independência entre os Poderes
A ex-presidente pede a independência entre os Poderes | Foto Reprodução/Twitter/Jeanine Áñez

Detida há 87 dias, a ex-presidente da Bolívia Jeanine Áñez disse nesta sexta-feira, 11, que é uma presa política do governo de extrema esquerda de Luis Arce. A política está detida por supostamente tramar um golpe de Estado contra Evo Morales. “Sou acusada de crimes que não cometi”, declarou, em mensagem publicada em suas redes sociais. “As acusações não se sustentam, eles inventam coisas para me manter na prisão e me sinto totalmente indefesa. Todos os recursos apresentados são rejeitados”, acrescentou Áñez, ao pedir a independência dos três Poderes do país.

Jeanine Áñez foi capturada pela polícia em 13 de março, na região amazônica de Beni, e depois levada para La Paz em avião militar sob forte guarda policial, juntamente com os seus ex-ministros Álvaro Coímbra e Rodrigo Guzmán, que também foram presos. Áñez e membros do seu gabinete são acusados de “sedição e terrorismo” durante a crise de 2019, após as eleições anuladas que levaram à renúncia de Evo Morales ao cargo de presidente da Bolívia. A atual administração considera que a ex-chefe do Executivo tramou a queda do antecessor, quando assumiu a gestão.

Reportagem especial: “Bolívia: revanche da esquerda tem prisões políticas e perseguição a opositores”

-Publicidade-

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro