Índia bate recorde de casos e enfrenta falta de vacinas

Embora seja um importante produtor global, o país não tem estoque suficiente, como ocorre em grande parte do mundo
-Publicidade-
Bandeira da Índia | Foto: Naveed Ahmed/Unsplash
Bandeira da Índia | Foto: Naveed Ahmed/Unsplash

Maior produtor de vacinas do mundo, a Índia enfrenta problemas em sua produção de imunizantes contra a covid-19, com milhões de pessoas à espera em meio a uma forte segunda onda de casos. Neste domingo, o país registrou o recorde de 103.558 casos no dia, tendo contabilizado mais de 1 milhão de novas contaminações em menos de uma semana.

Estados e municípios têm imposto restrições à circulação e várias administrações locais têm dito às pessoas que será preciso esperar mais para conseguir ser vacinado. Embora seja um importante produtor global, o país não tem estoque suficiente, no momento atual, como ocorre em grande parte do mundo.

-Publicidade-

Leia mais: “França impõe quarentena obrigatória para viajantes do Brasil”

Outras atualizações pelo mundo

De acordo com a gerente para a Áustria da AstraZeneca, Sarah Walters, uma versão modificada da vacina da empresa contra a covid-19 que enfrente a variante encontrada primeiro na África do Sul pode estar pronta no fim de 2021. Walters indicou que a versão atual do imunizante da companhia é menos eficaz contra essa cepa do que contra a originalmente identificada na pandemia.

No Vaticano, o papa Francisco voltou a saudar os fiéis da Praça de São Pedro, após semanas de restrições devido ao coronavírus. No fim deste mês, a Itália começará a retirar gradualmente algumas restrições impostas pela pandemia, permitindo, por exemplo, serviço ao ar livre em cafés e restaurantes em regiões nas quais o quadro da saúde tenha melhorado. Hoje, cerca de 200 pessoas, mantendo as devidas distâncias, receberam a bênção do papa no Vaticano.

Com informações do Estadão Conteúdo

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 comentário

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site