Inflação nos Estados Unidos acumula alta de 5,3% em 12 meses

Expectativa é que o índice permaneça em patamar elevado em 2022
-Publicidade-
Os Estados Unidos ainda não controlaram a inflação
Os Estados Unidos ainda não controlaram a inflação | Foto: Reprodução/Pixabay

A inflação ao consumidor nos Estados Unidos perdeu força em agosto, de acordo com dados divulgados nesta terça-feira, 14, pelo Departamento do Trabalho. O indicador atingiu a marca de 0,3% no mês passado, ante 0,5% em julho. No acumulado de 12 meses até agosto de 2021, a inflação ficou em 5,3%.

Segundo o jornal The Wall Street Journal, a alta no mês passado justifica-se pelos preços da gasolina, da moradia e dos alimentos. O índice referente aos gastos com energia subiu 2% no mês passado, graças principalmente à alta de 2,8% na gasolina. Os alimentos, por sua vez, registraram alta de 0,4%.

Excluindo os alimentos e a energia, a inflação ficou em 0,1% em agosto, a menor alta desde fevereiro deste ano. No entanto, a expectativa é que o índice permaneça em patamar elevado durante 2022, visto que os preços de bens e serviços relacionados a viagens seguem abaixo dos níveis pré-pandemia.

-Publicidade-

Leia também: “Auxílio Brasil: o novo Bolsa Família”, artigo de Ubiratan Jorge Iorio publicado na Edição 74 da Revista Oeste

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro