Inglaterra declara ‘estado de seca’ em oito regiões

Esses locais estão sem chuvas significativas durante todo o verão
-Publicidade-
O governo britânico enfatizou que neste ano o abastecimento de água, essencial para as famílias, não está em risco
O governo britânico enfatizou que neste ano o abastecimento de água, essencial para as famílias, não está em risco | Foto: Reprodução/Redes sociais

A Agência do Meio Ambiente da Inglaterra declarou que oito das 14 regiões do país entraram em estado de seca, em decorrência do clima pouco úmido e de muito calor que se estende pelo território há quase um mês. A decisão foi anunciada nesta sexta-feira, 12, depois de uma reunião. A última vez que isso ocorreu foi em 2018.

A condição atingida é a segunda em uma escala de quatro níveis de seca prescritos pelo Grupo Nacional da Seca. A declaração pode forçar o país a racionar água. Com isso, as empresas de abastecimento ficam autorizadas a proibir os consumidores de usar mangueiras e lavar os carros utilizando água de torneira. Medidas mais severas também podem ser implementadas nesta fase.

Apesar da situação, o governo britânico enfatizou que neste ano o abastecimento de água essencial para as famílias não está em risco. Houve cinco meses consecutivos de chuvas abaixo da média em todas as regiões geográficas da Inglaterra.

-Publicidade-

O ministro da Água, Steve Double, disse que o país está enfrentando “uma segunda onda de calor após a que foi registrada em julho”.

A hidróloga do Centro de Ecologia do Reino Unido Catherine Sefton disse ao jornal The Guardian que, “no sudeste da Inglaterra, o clima seco contínuo significa que muitos fluxos de rios permanecerão baixos, e as previsões hidrológicas sugerem que essa situação persistirá ao longo dos próximos meses”.

Treze rios monitorados pela agência estão nos níveis mais baixos já registrados, e o déficit de umidade do solo é comparável ao observado no fim da seca de 1976.

Seca vai afetar produção de alimentos

Segundo a agência, metade da safra de batatas pode ser prejudicada sem a irrigação. Mesmo culturas tolerantes à seca, como o milho, serão afetadas.

“As opções de irrigação estão diminuindo, com os reservatórios sendo esvaziados rapidamente”, informou a agência. As produções de cenoura, cebola, beterraba, maçã e lúpulo terão perdas entre 10% e 50%.

Leia também: “O autoritarismo escondido numa ‘emergência climática'”, texto publicado na edição 123 da Revista Oeste

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

4 comentários Ver comentários

  1. Ah, as “mudanças climáticas”… Podem escrever, não demorará muito, irão culpar por toda essa desgraceira, as famosas queimadas na amazônia, e usarão isso como pretexto para uma ocupação forçada daquela área, sempre foi assim, é assim e sempre será. Vale lembrar a esses vagabundos climáticos, que as correntes de ar tem sentido oposto no equador, portanto pouca ou nenhuma ação de uma suposta degradação ambiental amazônica afetará o clima naquelas latitudes, a não ser a pequena parcela da amazônia que está acima da linha do equador. As correntes marítimas afetam o clima naquelas latitudes muito mais do que o bioma amazônico.

    1. Nobre Paulo Renato Versiani Velloso;

      Digo no meu blogger:

      Para os das ciências-não-avançadas, que totalmente fora da lógica, já disseram absurdamente que esse terrível AQUECIMENTO GLOBAL, provinha de flatulências bovinas e humanas… Outros que insistem em afirmar, que resulta exclusivamente de tolas ações-humanas através do lançamento de CO², na atmosfera do nosso PLANETA:

      Que parem de comer REPOLHO e BIFE… Que façam VULCÕES pararem de vomitar, e respondam a pergunta abaixo, que não quer calar:

      Qual a quantidade de lenha e tamanho da fogueira que estão fazendo, para aquecer as profundezas do ÁRTICO?

  2. Estamos passando pela pior crise hidrica dos ultimos 91 anos. O que siginifica dizer que há 91 anos atrás tivemos uma seca pior que essa. Portanto precisamos ter muito cuidado com previsões apocalipticas, pois as variações de temperatura são ciclicas.

  3. Segue prova abaixo, de que a quase 10 anos atrás, alertamos no blogger DESCOBERTAS CIENTÍFICAS AVANÇADAS http://descobertascientificasavancadas.blogspot.com/ , dizendo:

    Em virtude de nos encontrarmos já vivendo como imagens projetadas, uma TRANSIÇÃO DE PREDOMINÂNCIA ELEMENTAR:

    Teremos alguns problemas decorrentes de REAÇÕES ELEMENTARES tais como, ERUPÇÕES VULCÂNICAS e TERREMOTOS, REAÇÕES mais fortes também do ELEMENTO ÁGUA que perderá sua PREDOMINÂNCIA ELEMENTAR para o ELEMENTO AR, que está chegando.

    Reações das UNIDADES ELEMENTARES CÓSMICAS, 1° FOGO, 2° TERRA e 3° ÁGUA, provirão de MAIORES AÇÕES da 4° UNIDADE ELEMENTAR CÓSMICA AR, que já está chegando e cobrando a qualquer preço, sua PREDOMINÂNCIA.

    Como a PREDOMINÂNCIA ainda é, da 3° UNIDADE ELEMENTAR CÓSMICA ÁGUA:

    REAÇÕES desse ELEMENTO a AÇÕES do ELEMENTO AR que está chegando e cobrando sua PREDOMINÂNCIA, serão gradativamente VIOLENTAS, A VIOLENTÍSSIMAS!

    Todas as nações através de seus governantes, devem preocupar-se com tais REAÇÕES da 3° UNIDADE ELEMENTAR CÓSMICA ÁGUA, mais ainda com AÇÕES DA 4° UNIDADE ELEMENTAR CÓSMICA AR, que está chegando e cobrando sua PREDOMINÂNCIA, auxiliado pela principal UNIDADE ELEMENTAR que é, a 5° UNIDADE ELEMENTAR CÓSMICA DE COMANDO EC.

    A TRANSIÇÃO DE PREDOMINÂNCIA ELEMENTAR da 3° ERA PREDOMINANTE DO ELEMENTO ÁGUA, para a 4° ERA PREDOMINANTE DO ELEMENTO AR:

    Ocorrerá inevitavelmente, sem que nenhuma nação por mais que se considere tecnologicamente avançada, possa impedi-la.

    A prova disso, é que AGÊNCIAS-ESPACIAIS e GRANDES-CENTROS-DE-PESQUISAS de países que se consideram tecnologicamente avançados, sequer foram capazes de detectar essa 3° TRANSIÇÃO DE PREDOMINÂNCIA ELEMENTAR, que já estamos vivendo.

    CALOTAS POLARES E GELEIRAS derreterão, sem que ninguém, possa fazer nada!

    OCEANOS, MARES, RIOS, LAGOS e OUTROS, terão seus níveis ligeiramente e temporariamente aumentados, posteriormente pela AÇÃO DO ELEMENTO AR deixarão de ser vistos, em quase sua totalidade!

    Melhor se prepararem adequadamente, para o que vem pela frente.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.