Atirador mata 10 pessoas em supermercado nos EUA

Segundo a polícia, o crime teve motivação racial
-Publicidade-
O atirador de 18 anos foi preso logo depois do ataque
O atirador de 18 anos foi preso logo depois do ataque | Foto: Reprodução/Redes Sociais

Um atirador de 18 anos matou dez pessoas a tiros e feriu outras três em um supermercado de Buffalo, no Estado de Nova Iorque. O caso ocorreu no sábado 14. Segundo autoridades, o crime teve motivação racial. O atirador foi preso depois do ataque.

O homem estava fortemente armado e usando equipamento tático e colete à prova de balas. De acordo com a polícia, ele saiu de um carro e atirou em quatro pessoas no estacionamento, matando três delas. Em seguida, entrou na loja e continuou atirando.

“Ele estava fortemente armado”, disse o comissário de polícia da cidade, Joseph Gramaglia, à agência de notícias AFP. “Ele tinha equipamento tático, como capacete, e uma câmera para transmitir o ato ao vivo.”

-Publicidade-

Caso em Nova Iorque é investigado como crime de ódio

O supermercado fica em um bairro predominantemente negro, a cerca de cinco quilômetros ao norte do centro de Buffalo, que tem quase 300 mil habitantes, e é a segunda cidade mais populosa do Estado.

A polícia disse que o atirador é branco, identificado como Payton S. Gendron, e de fora da cidade. Onze das 13 pessoas atingidas por tiros eram negras e duas eram brancas, disseram autoridades. A polícia afirmou que o caso será investigado como crime de ódio e ato de “extrema violência com motivação racial”.

A governadora de Nova Iorque, Kathy Hochul, informou que está “monitorando de perto o tiroteio. Oferecemos assistência às autoridades locais”.

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.