-Publicidade-

Merkel sinaliza recuo em apoio ao acordo UE-Mercosul

Mudança de posicionamento se deu após encontro da chanceler alemã com ambientalistas
A chanceler da Alemanha, Angela Merkel | Foto: DIVULGAÇÃO/UNIÃO EUROPEIA
A chanceler da Alemanha, Angela Merkel | Foto: DIVULGAÇÃO/UNIÃO EUROPEIA | A chanceler da Alemanha, Angela Merkel | Foto: DIVULGAÇÃO/UNIÃO EUROPEIA

Mudança de posicionamento se deu após encontro da chanceler alemã com ambientalistas

merkel
A chanceler da Alemanha, Angela Merkel | Foto: DIVULGAÇÃO/UNIÃO EUROPEIA

Depois de encontrar-se com ambientalistas, a chanceler alemã Angela Merkel expressou na sexta-feira 21 “sérias dúvidas” quanto ao futuro do acordo comercial entre a União Europeia (UE) e o Mercosul. A Alemanha estava entusiasmada com a aprovação da medida que, para concretizar-se, necessita da assinatura de todos os países-membros da UE. Contudo, conforme Stefan Seibert, porta-voz de Merkel, o país está preocupado com os “incêndios na Amazônia”. Em entrevista concedida a Oeste, o ministro Ernesto Araújo depositou esperanças na Alemanha, que ocupa a presidência da UE, para acelerar a ratificação do acordo. A ambientalista Luisa Neubauer participou do encontro com a chanceler e garantiu no Twitter que a mandatária não assinará o tratado.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

8 comentários

  1. A União europeia com esse complexo de culpa Após destruir suas florestas comete erro crasso. Mentiras de amor fslistas.que o Brasil deixe a UE pra lá e vamos construir nosso caminho. Simples assim. Merkel deveria se preocupar com as mazelas nós países europeus, isso sim

  2. Sugiro ao General Mourão, que estenda o convite que fez ao Leonardo Di Caprio para visitar a Amazônia, à Angela Merkel, ao ministro Barroso, aos Marinho da Globo e alguns dirigentes ambientalistas das ONGs. que dizem defender a Amazônia. Importante, todos juntos, para que possam levar ao mundo a mesma mensagem do que encontraram.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês