Militares tomam o poder e dissolvem o governo em Burkina Fasso

O grupo militar suspendeu a Constituição, dissolveu a Assembleia Nacional e fechou as fronteiras do país
-Publicidade-
O anúncio foi reproduzido na TV estatal do país
O anúncio foi reproduzido na TV estatal do país | Foto: Reprodução/Twitter

Militares de Burkina Fasso anunciaram na segunda-feira 24 que tomaram o poder no país e dissolveram o governo. A informação foi transmitida pela rede de TV estatal.

O grupo suspendeu a Constituição, dissolveu o governo e a Assembleia Nacional e fechou as fronteiras do país. Os militares prometeram uma “volta à ordem constitucional em um prazo razoável”.

Na segunda-feira 24, soldados prenderam o presidente do país, Roch Kabore, em um acampamento militar. O país da África Ocidental, com 21 milhões de habitantes, assiste a confrontos contínuos em instalações militares, com soldados exigindo maior apoio na luta contra insurgentes islâmicos.

-Publicidade-

O anúncio do grupo militar citou a deterioração da situação de segurança e a “incapacidade” de Kabore de unir a nação da África Ocidental e responder a insurgência islâmica.

Os soldados disseram que a tomada de poder foi realizada sem violência e que os detidos estavam em local seguro.

A declaração foi feita em nome de uma entidade inédita, o Movimento Patriótico para Salvaguarda e Restauração, ou MPSR, na sigla em francês. “O MPSR, que inclui todas as seções do Exército, decidiu encerrar o cargo do presidente Kabore hoje”, afirmou.

Burkina Fasso, um dos países mais pobres da África Ocidental, apesar de ser produtor de ouro, sofreu vários golpes desde sua independência da França, em 1960.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

4 comentários Ver comentários

  1. Será que nossos militares teriam esta coragem ????…..eu adoraria ver um STM agindo sobre o STF E STE..É em outros muitos órgãos..Para realmente vir a tona toda a verdade sobre o que acontece nos bastidores de Brasília..aquele antro…todo brasileiro de bem mereceria estes feitos……….

  2. Uma ação à ser estudada aqui no Brasil, coloquemos na balança o peso de uma tomada de poder com a administração militar como em 64 ou confiarmos nas urnas (kkkkkk) e no próximo ministro 👩‍🦲 de 🥚. Sinceramente, me deu uma inveja dos militares africanos de Burkina 👏🏾👏🏾👏🏾👏🏾👏🏾

  3. Nunca tive tanta inveja de um país africano. Acho que estou mudando para lá ou para a Venezuela. Talvez Cuba ou Guiné Equatorial. Mas Afeganistão está no radar também.

  4. Enquanto no Brasil o PT ficou 16 anos roubando tudo que podia e os generecos com cara de paisagem como se nada tivesse acontecendo, daí quando entra um presidente e vice militares somos obrigados assistir general diretor da anvisa nomeado pelo próprio presidente sabotar o governo na cara de pau mesmo!

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.