Nasa divulga som de buraco negro no espaço

Pesquisadores ampliaram o tom da escala auditiva do buraco negro 58 vezes acima do som original
-Publicidade-
Primeira foto de um buraco negro divulgada pela Nasa | Foto: Reprodução/Nasa
Primeira foto de um buraco negro divulgada pela Nasa | Foto: Reprodução/Nasa | Foto: Reprodução/Nasa

Já imaginou ouvir o som de um buraco negro? Isso se tornou possível graças à Nasa e a um grupo de pesquisadores: Kimberly Arcand, do Observatório Chandra; Matt Russo, astrofísico; e Andrew Santaguida, músico.

Em 2003, a agência espacial descobriu que o buraco negro no centro do aglomerado das galáxias de Perseu e o no centro da galáxia M87 poderiam ser traduzidos em uma nota musical. Foi então que os pesquisadores do Observatório Chandra — telescópio espacial — iniciaram um trabalho para tradução dos dados astronômicos em som.

Os pesquisadores ampliaram o tom da escala auditiva do buraco negro 58 vezes acima do som original, para que o som pudesse ser escutado por humanos.

-Publicidade-

O buraco negro da galáxia M87 ficou famoso em 2019, depois de se tornar a primeira foto oficial da região, capturada por um telescópio da Nasa.

Aglomerado das galáxias de Perseu

Galáxia M87

 

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.