-Publicidade-

O coronavírus veio de um laboratório chinês, garante ex-diretor de agência sanitária

Robert Redfield, que chefiou o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos, participou de um documentário
Redfield foi o responsável por liderar a resposta do governo Trump ao surto de coronavírus
Redfield foi o responsável por liderar a resposta do governo Trump ao surto de coronavírus | Foto: Divulgação/Flickr

O virologista Robert Redfield, ex-diretor do Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC), garante que a origem da covid-19 é um laboratório chinês. “Não acredito que veio de um morcego e passou para os humanos”, declarou, em um documentário da CNN, que vai ao ar amanhã. “Normalmente, quando um patógeno passa do animal para o humano, leva muito tempo para ele se tornar mais eficiente na transmissão de humano para humano”, observou. Segundo o especialista, o vírus começou a se transmitir em Wuhan, na China, em setembro ou outubro de 2019. “Provavelmente, como resultado de um vazamento de um laboratório na cidade”, acrescentou. “Não é incomum vírus respiratórios que estão sendo estudados infectarem os pesquisadores”. O médico reconhece, porém, que sua visão o põe num grupo minoritário da comunidade científica. Redfield foi o responsável por liderar a resposta do governo Trump ao surto de coronavírus.

Leia também: “Como surgiu o novo coronavírus?”, artigo de Dagomir Marquezi publicado na Edição 43 da Revista Oeste

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.