Oscar: Will Smith é banido por 10 anos da cerimônia

Punição não impede que o ator seja indicado ao prêmio
-Publicidade-
"Aceito e respeito a decisão da Academia", disse Smith em comunicado
"Aceito e respeito a decisão da Academia", disse Smith em comunicado | Foto: Reprodução/Flickr

A Academia do Oscar decidiu banir, por dez anos, o ator Will Smith de todos os eventos organizados por Hollywood. Formalizada na sexta-feira 8, a decisão é uma resposta ao tapa que Smith deu no humorista Chris Rock.

A proibição se refere à presença de Smith nos eventos da Academia, mas não impede que ele seja indicado ao Oscar durante o mesmo período, tampouco retira do ator a estatueta que ganhou como melhor ator em 2022.

“Aceito e respeito a decisão da Academia”, disse Smith, em comunicado enviado à imprensa.

-Publicidade-

Em carta, David Rubin, presidente da Academia, disse: “Durante a transmissão do Oscar, não abordamos adequadamente a situação”, disse. “Essa foi uma oportunidade para darmos um exemplo para nossos convidados, espectadores e nossa família da Academia no mundo inteiro”.

Rubin também pediu desculpas a Chris Rock, Amy Schumer, Wanda Sykes e Regina Hall, anfitriões do evento. “Queremos expressar nossa profunda gratidão ao Sr. Rock por manter a postura em circunstancias extraordinárias”, disse. “Também queremos agradecer aos nossos anfitriões, aos indicados ao prêmio e aos vencedores pela postura.”

Remarcado

A Academia adiantou a reunião com os diretores para esta sexta-feira, a fim de definir sanções contra Smith por conta do tapa. Inicialmente, a reunião estava marcada inicialmente para 18 de abril. Em 30 de março, os organizadores abriram um processo disciplinar contra o ator.

Eles deram um prazo de 15 dias para o ator se defender antes da Academia definir qual seria o veredito. Já que Smith renunciou em 1° de abril como membro da Academia, este prazo não seria mais necessário.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários Ver comentários

  1. Eu queria agir da mesma maneira se estivesse no lugar dele… não sei se teria a mesma coragem. E acho que mesmo sabendo a consequencia ele faria tudo igual novamente. Defendeu a esposa. Cumpriu sua obrigação de Homem

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.