Presidente da Alemanha reconhece ‘crise de confiança’ e erros na pandemia

Frank-Walter Steinmeier conclamou a população a um esforço conjunto contra a terceira onda da pandemia
-Publicidade-
Presidente da Alemanha, Frank-Walter Steinmeier | Foto: Reprodução/Bundesregierung
Presidente da Alemanha, Frank-Walter Steinmeier | Foto: Reprodução/Bundesregierung

O presidente da Alemanha, Frank-Walter Steinmeier, reconheceu neste sábado, 3, a existência de uma “crise de confiança” e de erros nas testagens, vacinação e digitalização do progresso da covid-19 no país. Ele conclamou, no entanto, a população a um esforço conjunto contra a terceira onda da pandemia.

Na Alemanha, o cargo político de maior destaque é o de primeiro-ministro, que é ocupado por Angela Merkel desde 2005. O presidente do país raramente fala à população, geralmente só no Natal.

-Publicidade-

Leia mais: “Biden lamenta morte de policial no Capitólio”

“Não vamos nos indignar só contra os outros ou os lá de cima. Não fiquemos apontando a todo momento o que não dá, mas o que é possível, se todos fizerem a sua parte”, disse em raro discurso de Páscoa. As informações são do portal alemão Deutsche Welle.

Frank-Walter Steinmeier antecipou “amargas restrições” para a população nas próximas semanas, mas enfatizou motivos para se ter confiança, como as vacinas desenvolvidas em tempo recorde. Ele tomou a vacina da AstraZeneca recentemente e disse que confia em todos os imunizantes licenciados para a Alemanha.

O presidente advertiu enfaticamente contra a briga política só pela briga: governo federal e estaduais, partidos, coalizões e pesquisas de opinião não podem ficar disputando o papel principal.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.