Procurado há 20 anos, assassino é preso por não usar máscara na Polônia

Agentes abordaram o criminoso que andava sem a máscara de proteção contra a covid-19 nas ruas do país
-Publicidade-
A fiscalização no país é constante para verificar o cumprimento das medidas de proteção contra o vírus
A fiscalização no país é constante para verificar o cumprimento das medidas de proteção contra o vírus | Foto: Reprodução/Twitter Polska Policja

Um condenado por assassinato que estava foragido há 20 anos foi preso pela polícia de Varsóvia, capital da Polônia, na segunda-feira 4.

O homem de 45 anos foi parado em frente a uma loja depois que os policiais verificaram que ele não estava usando máscara de proteção contra a covid-19

Os agentes observaram que havia contra ele uma condenação a 25 anos de prisão pelo crime de homicídio.

-Publicidade-

“O homem era procurado pelo tribunal distrital por um assassinato cometido há 20 anos”, disse a inspetora-chefe da polícia, Elwira Kozłowska, à televisão pública da Polônia TVP. Ela não deu detalhes sobre o crime pelo qual o homem foi condenado.

O assassino foi levado para a prisão, onde deverá passar os próximos 25 anos para cumprir a pena.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.